<
>

Valentino Rossi e Fabio Quartararo: 22 anos de uma passagem de bastão na MotoGP

22 anos após a conquista de seu primeiro título, Valentino Rossi viu seu fã Fabio Quartararo se consolidar como futuro da MotoGP e se sagrar campeão do mundo


24 de outubro de 1999. No Rio de Janeiro, mais precisamente no antigo Autodrómo Internacional Nelson Piquet, um italiano de 20 anos conquistava o título da categoria 250cc do Mundial de Motovelocidade.

Com um capacete todo estilizado, o dono do número 46 na equipe Aprilia ganhou a prova no Brasil e levou o ‘campeonato de acesso’ à 500cc.

Na comemoração, o piloto levou em sua garupa um compatriota vestido de anjo para dar uma volta pelo extinto circuito.

Valentino Rossi fazia há exatos 22 anos sua última ‘exibição de luxo’ antes de colocar as mãos e os pés na principal categoria do motociclismo mundial - hoje conhecida por MotoGP.

Como diria o filósofo, a partir dali o resto é história para o esporte.

Seis meses antes daquele título em 1999, nascia Fabio Quartararo. O menino que na foto acima tietou o ídolo e hoje divide sonhos, curvas e abraços com ele.

O francês se consagrou neste domingo campeão da MotoGP aos 22 anos, a mesma idade com a qual Valentino Rossi ganhou seu primeiro título na categoria-mãe da motovelocidade.

Nesse 24 de outubro de 2021, Quartararo deixou sua marca para o mundo, enquanto o heptacampeão se despediu dos fãs italianos no GP da Emilia-Romagna neste seu tour particular de aposentadoria - já anunciou que vai parar ao fim da atual temporada, que ainda tem mais duas provas, dias 7 e 14 de novembro.

A passagem de bastão, agora, está completa.