<
>

André Galvão fala pela 1ª vez após tomar tapas na cara, explica por que não revidou e diz o que vai fazer com 'algoz'

play
André Galvão diz que mostrou dedo do meio para Gordon Ryan e pede desculpas por atitude que levou a tapa na cara (3:14)

Instagram: @galvaobjj | Lutador brasileiro falou sobre a situação em que levou um tapa de Gordon Ryan (3:14)

No dia 26 de fevereiro, André Galvão e Gordon Ryan se encontraram nos bastidores do WNO: Craig Jones vs Ronaldo Junior, evento de jiu-jitsu realizado no Texas, e protagonizaram um episódio bastante polêmico em que os dois trocaram ofensas e o americano deu tapas na cara do brasileiro. Nesta sexta, Galvão explicou a situação e por que não revidou, e disse o que irá fazer com Gordon.

"Aos meus alunos e a toda a comunidade do jiu-jitsu, que sempre me deu um apoio muito bom, queria pedir desculpa. Me coloquei nessa situação, uma situação chata. Uma situação que eu não tenho orgulho nenhum de fazer parte dela. Gostaria só de me desculpar por ter caído nela, me desculpem. Confesso que eu errei. Primeiramente eu mostrei o dedo do meio pro Gordon, depois fui xingando ali na hora que a gente se encontrou no corredor. Xinguei ele, falei um monte de palavrão. Ele chegou perto, foi onde eu empurrei ele e foi onde ele me agrediu", explicou em live no Instagram.

play
3:14

André Galvão diz que mostrou dedo do meio para Gordon Ryan e pede desculpas por atitude que levou a tapa na cara

Instagram: @galvaobjj | Lutador brasileiro falou sobre a situação em que levou um tapa de Gordon Ryan

"Eu só me mantive calmo na hora, me mantive calmo, mas fui surpreendido. Reconheci que estava errado, mas as pessoas me perguntam por que eu não revidei na hora, não devolvi com a mesma moeda. Eu não revidei porque eu estudo sobre defesa, sobre agressão, tenho vários alunos que falam sobre isso comigo, eu decidi não partir para a ignorância. Se vocês verem, eu fui mesmo para conversar. Na hora que aconteceu, pensei na minha família, no meu futuro e nas consequências que poderiam vir. A partir do momento que você está fora do tatame e está na rua, ali era rua, não ia ter regra. Pensei no meu legado, no meu trabalho e falei 'não vai valer a pena'. Fiquei frio, sei que se eu tivesse tomado uma atitude na hora ia pagar as consequências, sei que muitas pessoas pagaram por isso já, então mantive o autocontrole e fui falando só o que deveria falar", explicou o brasileiro antes de dizer o que irá fazer com o seu rival.

Enquanto muitos pediam para que o brasileiro revidasse, André Galvão decidiu tomar o caminho reverso: o do perdão.

play
1:03

André Galvão revela o que fará com Gordon Ryan, seu 'algoz', após tomar tapa na cara

Instagram: @galvaobjj | Lutador falou sobre o incidente em que levou um tapa de Ryan

"O que eu vou fazer com o Gordon Ryan? Eu vou perdoar ele. Vou perdoar ele porque eu sei que errei, fui ignorante ali, estava agindo completamente cheio de ego. O que eu acredito fala isso, "o que se exalta será humilhado e os humilhados serão exaltados". Foi isso que aconteceu, me exaltei muito. Antes mesmo do incidente, me achando. E tive que aprender. Eu perdoo ele, quero liberar perdão, não quero carregar isso em mim. Agora já é passado, já passou e não posso mudar. O que posso mudar são minhas atitudes daqui pra frente", finalizou.