<
>

De saída? Jean Lucas faz forte desabafo após rebaixamento do Santos: 'Difícil digerir'

Jean Lucas durante apresentação ao Santos Raul Baretta/Santos FC

O volante Jean Lucas fez um forte desabafo após o rebaixamento do Santos para a Série B do Campeonato Brasileiro, na última quarta-feira (06). Por meio do Instagram, ele lamentou a queda e não garantiu que irá permanecer no clube alvinegro no ano que vem.

Após deixar o Monaco, em julho de 2023, ele jogou 22 partidas no Brasileirão. Ele ficou de fora apenas da goleada sofrida para o Internacional por 7 a 1, no Beira-Rio, quando cumpriu suspensão automática por receber o terceiro cartão amarelo.

"Hoje a dor está forte. O sentimento desde a noite de quarta-feira tem sido muito difícil de digerir. Quatro meses atrás fiz tudo que estava ao meu alcance para voltar para a Vila e tentar reverter uma situação que o Santos não merecia estar", disse.

Apesar de ser um jogador querido pela torcida na chegada, ele se envolveu em um episódio polêmico. Antes da partida contra o Athletico-PR, que terminou com derrota por 3 a 0, em Curitiba, ele chegou atrasado - junto com o atacante Marcos Leonardo - ao embarque da delegação no aeroporto. O grupo havia sido liberado para almoçar antes da viagem, mas a dupla perdeu o horário.

"Desde o instante em que pisei no Brasil, em julho, trabalhei ao máximo para poder ajudar o Santos, em qualquer posição, em qualquer situação e em todos os jogos. Deus sabe que eu me entreguei de corpo e alma e com todas as minhas forças nessa luta contra o tempo e contra as rodadas. Gostaria muito que o desfecho dessa história fosse diferente".

Com o rebaixamento, Jean Lucas deverá sair do Vila Belmiro porque o Santos precisará cortar muitos gastos. Um dos salários mais altos do elenco, o volante tem contrato válido até o fim de julho de 2027.

"Não deu, não foi o bastante. A nação santista não merecia isso. Ao Santos e a toda a torcida: foi com todo o meu coração. Mesmo sem entender eu confio em ti, Deus", escreveu.