<
>

ESPN Bola de Prata Sportingbet: Arthur Elias se reinventa, mantém Corinthians dominante e se despede com chave de ouro com prêmio de melhor técnico

Arthur Elias, do Corinthians, venceu o Bola de Prata de melhor técnico Dalton Cara/Arte ESPN

O melhor ano de sua trajetória no Corinthians. Foi assim que Arthur Elias definiu seu 2023 no Bola da Vez, da ESPN, em novembro.

E eleger o melhor ano de um treinador que conquistou o Campeonato Brasileiro cinco vezes, a CONMEBOL Libertadores em quatro oportunidades e foi tricampeão paulista, além de campeão da Copa do Brasil, em 6 anos não é fácil.

Era preciso fazer algo diferente para se manter no topo e foi exatamente o que conseguiu Arthur Elias, que encerra 2023 com 100% de aproveitamento nos títulos e o Prêmio ESPN Bola de Prata Sportingbet de melhor técnico do Brasileirão.

Depois de cinco anos dominando o futebol feminino na América do Sul, Arthur Elias admitiu que começou o ano com muitas dificuldades, mas foi sua capacidade de se reinventar que fez o Timão seguir no topo e sair com o pentacampeonato do Brasileirão - e a quarta conquista consecutiva.

Estabeleceu jogadoras da base como Tarciane, mudou a maneira de jogar de estrelas como Tamires, adaptou o time nas ausências de Gabi Zanotti, transformou Jhennifer na artilheira da equipe e mais.

Não à toa, foi chamado de "revolucionário" por Tamires e é constantemente elogiado por praticamente todas as jogadoras que passaram pelo Parque São Jorge nestes seis anos.

No ano em que sabia que seria seu último, Arthur entregou sua última obra de arte: foi campeão paulista, da Supercopa do Brasil, da Libertadores e do Brasileirão, levando de brinde o prêmio Bola de Prata de melhor treinador e fechando sua história no Corinthians com chave de ouro.