<
>

Ainda sem Paulo Sousa, Flamengo estreia no Carioca com vitória embalada por Lázaro e jovens da base

Ainda com time alternativo, o Flamengo venceu a Portuguesa na estreia do Campeonato Carioca com dois gols de Lázaro


Ainda sem os jogadores do time principal, o Flamengo recebeu a Portuguesa no estádio Luso-Brasileiro em suas estreias no Campeonato Carioca na noite desta quarta-feira (26). Com dois de Lázaro, o Rubro-Negro venceu por 2 a 1.

Logo no segundo minuto de jogo, André chegou em velocidade na área depois de recuperar a bola no meio-campo, mas acabou derrubado por Carlão dentro da área, com a penalidade sendo marcada.

Um dos nomes que já vem ganhando chances no time profissional, Lázaro foi para a bola e converteu a cobrança para abrir o marcador para o Rubro-Negro.

A pressão se manteve durante toda primeira etapa, com André e Lázaro sendo os grandes destaques do time mandante.

Na volta para a segunda etapa, aos nove minutos, Thiaguinho recebeu na esquerda e chutou forte, mas o goleiro Carlão acabou espalmando na cabeça de Lázaro, que só desviou para o fundo das redes.

Aos 15, porém, Sanchez subiu mais do que a defesa adversária em cobrança de escanteio e testou firme para o fundo do gol para diminuir o placar.

A estrela de Lázaro brilhando

Depois de quase deixar o Fla no final do ano, mas ser mantido a pedido de Paulo Sousa, Lázaro começou o ano brilhando com os dois gols da equipe na estreia do Carioca.

Um nome para a temporada?

Outro destaque rubro-negro na partida foi André. O jovem ponta se destacou por sua velocidade e facilidade para driblar os defensores adversários.

Paulo Sousa de olho

Ainda de fora do banco de reservas, o português Paulo Sousa esteve presente no estádio para assistir à estreia da equipe rubro-negra.

Próximos jogos

No próximo sábado (29), o Flamengo encara o Volta Redonda, enquanto, no mesmo dia, a Portuguesa encara o Audax Rio.

Ficha técnica

Flamengo 2 x 1 Portuguesa

GOLS: Lázaro (2) (FLA); Sanchez (POR)

FLAMENGO: Matheus Cunha; Wesley, Cleiton, Noga e Marcos Paulo; Igor Jesus, Matheus França e Yuri de Oliveira; Lázaro (Werton), André Luiz e Thiaguinho (Petterson). Técnico: Fábio Matias

PORTUGUESA: Carlão; Watson, Leandro Amaro, Suéliton e Sanchez; Wellington Cézar (Victor Paraíba), Pernão (Feitosa), Wilian (Patrick) e Romarinho; Pirambu (Bruno Santos) e Andrezinho (Maikinho). Técnico: Marcus Grippi