<
>

Neymar desabafa e dispara após vitória do Brasil: 'Não sei mais o que fazer para me respeitarem'

O atacante Neymar fez um forte desabafo após a vitória por 2 a 0 sobre o Peru, nesta quinta-feira, pelas eliminatóiras da Copa do Mundo 2022.

Em entrevista à TV Globo após a partida, ele disse que "não sei mais o que fazer" para ser respeitado com a camisa da seleção brasileira.

Acompanhe a repercussão de Brasil x Peru logo após o jogo no Linha de Passe, com transmissão pela ESPN no Star+. Para ter mais informações e assinar, clique aqui.

As declarações foram dadas após ele ser questionado sobre a marca de 12 gols em eliminatórias que chegou contra os peruanos, o que o colocou como maior artilheiro da história do Brasil no qualificatório da Conmebol.

"Eu digo sempre que o coletivo é o mais importante. Fico feliz de ser o goleador máximo de eliminatórias, o maior assistente com a camisa da seleção e, logo menos, se tudo caminhar bem, passar o Pelé (em número de gols). Estou muito feliz, muito contente e devo isso à ajuda dos meus companheiros. Não sei mais o que faço com essa camisa para me respeitarem mais", disparou.

Perguntado sobre o que estava lhe causando incômodo, Neymar não respondeu objetivamente, mas disparou para todos os lados.

"É normal (receber críticas). Isso já vem de muito tempo. Vem de vocês, repórteres, comentaristas, de outros também... Mas é o que eu falo, às vezes eu nem gosto mais de falar em entrevista, mas, nos momentos importantes, tenho que dar meu parecer", afirmou.

"(É uma resposta) Para todos. Deixo aí para a galera pensar um pouco", finalizou.

Na partida, aliás, Neymar celebrou seu gol levantando a camisa e mostrando sua barriga.

O gesto foi uma clara resposta às críticas que ele recebeu por, aparentemente, ter se apresentado acima do peso nos primeiros dias da Data Fifa.