<
>

Atlético-MG vende 120 mil camisas do 'Manto da Massa' e arrecada R$ 24 milhões

O Atlético-MG informou, por meio de uma live em seu canal no YouTube, que vendeu 120 mil camisas do “Manto da Massa” e arrecadou cerca de R$ 24 milhões. O Galo espera lucrar 30% do valor.

O modelo do produto foi desenhado por Lucas Adriano de Sousa e tem como inspiração o mapa de Minas Gerais. O desenho venceu 559 concorrentes e foi escolhido por votação aberta em uma final com 13 desenhos.

Esta foi a segunda edição do Manto da Massa. No ano passado, o concurso recebeu 1.501 modelos. O vencedor da promoção foi Flávio Markiewicz.

Assim como em 2020, os sócios do Atlético-MG tiveram valor promocional para adquirir a camisa. Nas primeiras 92 horas de venda, o preço foi de R$ 199,90. Após esse prazo, de R$ 239,90. O público geral pôde comprar o modelo no valor de R$ 319,90. A camisa ainda foi comercializada fora do Brasil.

“Estou gravando aqui gravando este vídeo, exclusivamente, para agradecer a todos vocês (torcida). Conseguimos uma marca história vendendo 120 mil camisas em apenas sete dias e 20% a mais de sócio torcedor em um momento tão difícil que o futebol está atravessando. Essa receita foi e é muito importante para o ‘Galão da Massa’", disse Sérgio Coelho, presidente do Atlético.

“Parabenizo o atleticano Lucas Adriano pela criatividade ao desenvolver essa maravilhosa camisa Manto da Massa 113 anos. Torcida mais engajada do Brasil, receba o nosso muito obrigado. Fique em paz. Fique com Deus”, finalizou Sérgio.

O clube também conseguiu alavancar os números no seu programa de sócio-torcedor Galo Na Veia. Desde o início da venda do Manto, o Atlético-MG ganhou mais de 10 mil sócios.