<
>

Copa América: Gustavo Gómez é expulso, Cueva perde pênalti, e Peru elimina Paraguai

Em uma partida eletrizante no estádio Olímpico de Goiânia nesta sexta-feira (2), Paraguai e Peru abriram as quartas de final da Copa América. Em jogo com virada e expulsões, o placar ficou em um empate em 3 a 3. Lapadula e Yotún marcaram para o time peruano, enquanto Gustavo Gómez, Junior Alonso e Ávalos fizeram para os paraguaios. Nos pênaltis, 4 a 3 para o time de Ricardo Gareca e vaga na semifinal.

Nos minutos iniciais, Gustavo Gómez conseguiu rebote na pequena área e abriu o placar. Pouco depois, Lapadula conseguiu igualar o marcador para os peruanos.

Mas a partida começou a se virar contra os paraguaios em uma sequência negativa. Primeiro, um pênalti não assinalado. Na sequência, o segundo gol de Lapadula, colocando o Peru na frente. Por fim, Gustavo Gómez recebeu dois amarelos e foi expulso.

No segundo tempo, porém, o time de Eduardo Berizzo foi para cima e conseguiu empatar a partida, com Júnior Alonso. Na reta final, porém, Yotún chutou de fora da área e contou com um desvio para marcar o terceiro do Peru. As emoções, porém, não pararam por aí, com Carrillo sendo punido com o segundo amarelo e também sendo expulso.

Isso deu maior ânimo para os paraguaios buscarem o empate. Aos 43, Antony Silva deu chutão pra frente, a bola foi cruzada na área e Ávalos só teve que empurrar para o fundo do gol.

Na disputa de pênaltis, vitória por 4 a 3 do Peru, com direito a dois pênaltis isolados pelos paraguaios e Cueva desperdiçando cobrança.

Melhores Momentos

O craque do jogo: Lapadula

Autor dos dois gols peruanos, o italiano naturalizado peruano se destacou mais uma vez por sua seleção. É um dos principais nomes desta Copa América.

Gómez do céu ao inferno

Autor do gol que abriu o marcador, Gustavo Gómez acabou se tornando um problema para sua seleção ao final da primeira etapa ao receber o segundo amarelo. Com um a menos, o time conseguiu o empate, mas sofreu com o adversário tendo mais espaço. Além disso, a bola ainda desviou nele para um dos gols de Lapadula.

Brilha Berizzo

Mesmo com um a menos, não trouxe seu time para trás e buscou o empate. Quando viu o adversário perder um jogador, colocou mais homens de criação e buscou o empate novamente para levar o jogo para os pênaltis.

Foi mal: arbitragem

O uruguaio Esteban Ostojich acabou se tornando um dos protagonistas da partida. Por um pênalti não marcado na primeira etapa, sua condução da partida ainda foi prejudicada pela pressão dos atletas. Na hora de sua expulsão, por exemplo, Gustavo Gómez quase agrediu o árbitro.

Próximo jogo

A semifinal ocorrerá na próxima segunda-feira (5), às 20h (de Brasília), no estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro. O adversário sairá da partida entre Brasil e Chile.

Ficha Técnica

Peru 3 x 3 Paraguai

GOLS: Lapadula (2) e Yotún (PER); Gustavo Gómez, Junior Alonso e Ávalos (PAR)

PERU: Gallese; Corzo (Lora), Ramos, Santamaría e Trauco; Tapia, Yotún, Carrillo, Peña (Ormeño) e Cueva; Lapadula. Técnico: Ricardo Gareca

PARAGUAI: Antony Silva; Espíndola, Gustavo Gómez, Alonso e Martínez; Villasanti (Piris da Motta), Lucena (Rojas) e Sánchez (Ávalos); Ángel Romero, González (Samudio) e Azamendia (Enciso). Técnico: Eduardo Berizzo