<
>

Brasileiro: em jogaço no Maracanã, Muniz marca até de bicicleta, mas não impede derrota do Flamengo para o Bragantino

Neste sábado (19) Flamengo e RB Bragantino fizeram um grande jogo no Maracanã. Em compromisso válido pela rodada 5 do Campeonato Brasileiro, o atacante rubro-negro Rodrigo Muniz marcou duas vezez, incluindo um gol de bicicleta, mas não conseguiu evitar a derrota por 3 a 2 para o clube de Bragança Paulista.

O jovem de 20 anos foi a nove bolas na rede em 19 jogos na temporada. O primeiro deles na etapa inicial, aos 27 minutos, quando empatou o jogo em 1 a 1, e depois aos 18, quando o Flamengo chegou a virar o placar.

Entretanto, o Bragantino, que já havia inaugurado o marcador logo aos 12 minutos do primeiro tempo com Aderlan, fez jogo duro e, aos 23, deixou tudo igual mais uma vez com Ramires. No último minuto dos acréscimos do segundo tempo, Chrigor marcou e decretou a vitória do clube paulista.

O Flamengo viu uma invencibilidade de 16 jogos na temporada, entre Carioca, Conmebol Libertadores, Copa do Brasil e Brasileiro ir por água abaixo. Até então, era 11 vitórias e cinco empates neste período, com a última derrota tendo ocorrido no clássico contra o Vasco, por 3 a 1, ainda no estadual.

O clube carioca ainda disse adeus aos 100% de aproveitamento no Brasileiro, já que havia vencido os seus dois primeiros jogos na competição.

Já o Bragantino, agora não perde há 10 jogos consecutivos no Brasileirão - levando em consideração a última edição - e segue com a segunda maior em partidas pelo Brasileirão, ficando atrás apenas do Fluminense, com 13.

A partida contou com o retorno do técnico Rogério Ceni, que perdeu os três últimos jogos após testar positivo para COVID-19, e vinha sendo substituído pelo auxiliar Maurício Souza. A escalação foi a mesma utilizada na vitória sobre o América-MG, no último fim de semana.

Mais uma vez, o Rubro-Negro não pôde contar com o atacante Pedro, que espera o prazo estipulado pela CBF após testar positivo para COVID-19 para poder voltar, além de Gabigol, Éverton Ribeiro, Isla e De Arrascaeta, que estão envolvidos na disputa da Copa América 2020.

Situação do campeonato

Com a derrota, o Flamengo segue com seis pontos e em 9º na tabela do Brasileiro. Vale lembrar que o Rubro-Negro tem duas partidas a menos do que as demais equipes que estão na disputa.

Já o Bragantino, foi a 11 pontos e assumiu a liderança isolada do Brasileirão de forma provisória, mas a sua permanência na ponta vai depender dos resultados deste domingo (20).

O cara: Rodrigo Muniz

Solução caseira de Rogério Ceni para os desfalques de Gabigol e Pedro, o atacante de 20 anos chamou mais uma vez a responsabilidade e foi o responsável pelos dois gols do Flamengo no jogo, o segundo deles marcado após uma linda bicicleta. Apesar disso, não conseguiu evitar o tropeço em casa da sua equipe.

Foi mal: Bruno Henrique

Atuando fora da sua posição, o camisa 27 ajudou muito pouco ofensivamente. Além de perder uma chance clara de marcar o terceiro gol do Flamengo, perdeu a bola que resultou na vitória do Bragantino nos acréscimos,

Próximos jogos

As duas equipes voltam a campo já na próxima quarta-feira (23), pela sexta rodada do Brasileiro. Enquanto o Flamengo, mais uma vez no Maracanã, recebe o Fortaleza, o Bragantino, também em casa, no Estádio Nabi Abi Chedid, encara o Palmeiras.

FICHA TÉCNICA

Flamengo 2 x 3 RB Bragantino

GOLS: Flamengo: Rodrigo Muniz (27' e 64') ; Bragantino: Aderlan (12'), Ramires (69') e Chrigor (90' + 8)

FLAMENGO: Diego Alves; Matheuzinho, Willian Arão, Rodrigo Caio e Filipe Luís; Diego, Gerson, Vitinho, Michael (Max) e Bruno Henrique; Rodrigo Muniz. TÉCNICO: Rogério Ceni.

RB BRAGANTINO: Cleiton; Aderlan, Fabrício Bruno, Léo Ortiz e Weverson (Natan); Lucas Evangelista, Raul, Artur, Helinho (Cuello) e Ramires (Edimar); Ytalo (Chrigor). TÉCNICO: Maurício Barbieri.