<
>

Arsenal, Liverpool, Manchester United e Tottenham também anunciam saída da Superliga

play
'Nós salvamos o futebol!': Torcedores do Chelsea cantam alto após clube deixar a Superliga (0:21)

Chelsea foi o primeiro clube a decidir deixar a competição após grandes protestos (0:21)

Horas depois de Manchester City e Chelsea anunciarem suas saídas de Superliga, nesta terça-feira, Arsenal, Liverpool, Manchester United e Tottenham também confirmaram que estão fora.

Por meio de comunicados publicados simultaneamente em suas redes sociais, os clubes da Premier League informaram que "iniciaram os procedimentos" para se retirarem formalmente do grupo que pretendia criar uma competição continental paralela à Uefa Champions League.

Dos 12 fundadores, portanto, restam somente o trio espanhol (Real Madrid, Barcelona e Atlético de Madrid) e o trio italiano (Milan, Juventus e Inter de Milão).

Mais times, porém, devem desistir da Superliga, após vários protestos feitos por torcedores nesta terça-feira, principalmente na Inglaterra.

O turbilhão causado pelo anúncio da competição, no último domingo, também provocou importantes mudanças nos bastidores dos gigantes europeus.

Nesta terça, por exemplo, o vice-presidente de futebol do Manchester United, Ed Woodward, anunciou que deixará o cargo após oito anos.