<
>

City já é campeão da Premier League? Como 'milagre de Agüero' mostra que é possível perder título

play
'Uma história maravilhosa': relembre o histórico 'gol do milagre' de Aguero (2:15)

No dia 13 de maio de 2012, argentino marcou aos 48 minutos do segundo tempo o gol da vitória por 3 a 2 sobre o Queens Park Rangers, garantindo o título do Campeonato Inglês daquela temporada e o fim de um jejum de 44 anos. (2:15)

Oito pontos de vantagem na liderança, 18 vitórias nos últimos 20 jogos e apenas seis rodadas para o fim do campeonato. Números que comprovam todo o favoritismo do Manchester City rumo a mais um título da Premier League. Mas será que o troféu está tão garantido assim?

A própria história dos Citizens mostra que não. O clube azul de Manchester é prova viva de que é possível ganhar um título mesmo estando em desvantagem tão grande. Foi o que aconteceu na temporada 2011/12, até hoje lembrada pelo "milagre de Agüero".

Há nove anos, a briga para conquistar a Premier League estava também entre Manchester United e City. O então clube de Alex Ferguson era o líder após 32 rodadas, com 79 pontos, oito acima do rival, que ainda engatinhava para entrar no grupo dos grandes da Inglaterra.

Quando todos davam o título nas mãos do United, houve a reviravolta. Os Red Devils tropeçaram três vezes nas últimas rodadas e somaram "apenas" 10 pontos, enquanto o City emendou uma série perfeita, com direito até a vitória no dérbi de Manchester.

O título dos Citizens veio com aquela pitada de emoção, com gol de Sergio Agüero aos 93 minutos contra o Queens Park Rangers, em vitória por 3 a 2 que deu, para muitos, o maior troféu da história do Manchester City (reveja o gol no vídeo abaixo). Na tabela, os rivais terminaram empatados com 89 pontos, mas os azuis foram campeões no saldo de gols.

Passados nove anos, os dois clubes de Manchester encabeçam a nova disputa pelo título inglês, em situação, ao menos numericamente, semelhante ao que aconteceu em 2012. O City dessa vez é líder, com 74 pontos, contra 66 do vice United.

Ambos têm mais seis jogos a fazer. O primeiro a entrar em campo é o time de Pep Guardiola, que encara o Aston Villa nesta quarta-feira (21), em Birmingham, a partir das 16h15. A partida terá transmissão ao vivo e exclusiva da ESPN Brasil e do ESPN App.

Depois do Villa, o City tem, pela ordem: Crystal Palace (fora), Chelsea (casa), Newcastle United (fora), Brighton (fora) e Everton (casa).

Já o United, embalado por cinco vitórias seguidas, fecha sua campanha com os seguintes adversários: Leeds United (fora), Liverpool (casa), Aston Villa (fora), Leicester City (casa), Fulham (casa) e Wolverhampton (fora).

A sequência dos Red Devils, no papel, é bem mais dura. Mas será que já dá para contar com o título do City? A história desse clássico mostra que é melhor não...