<
>

Jornal de Madri detona Messi após expulsão em final: 'Deveria pedir perdão'

O Barcelona foi derrotado pelo Athletic Bilbao na prorrogação da final da Supercopa da Espanha, depois de estar vencendo até os 44 minutos da segunda etapa. Ainda assim, a notícia ruim da partida ficou sendo a expulsão de Lionel Messi.

Em uma dividida fora do lance, aos 14 minutos do segundo tempo da prorrogação, o camisa 10 deu um soco nas costas de Asier Villaibre e, após consulta do VAR, o árbitro Jesús Gil deu cartão vermelho ao argentino.

E o lance gerou críticas da imprensa espanhola. Além de ser uma unanimidade que o craque esteve abaixo do que se espera dele depois de voltar de uma lesão que quase o deixou de fora da decisão, o jornal Marca detonou sua atitude no final do jogo.

Com título afirmando que Messi deveria pedir perdão ao adversário que sofreu a agressão, o diário avaliou que a expulsão foi um ato desesperado do jogador depois de sua atuação.

“Acabou tão desesperado que se auto-expulsou com uma ação muito feia na agressão a Villaibre. Foi a consumação de uma temporada muito irregular do argentino e que o expõe a uma dura punição. Impróprio de um jogador de seu nível e de um capitão. Por isso, deveria pedir perdão”, escreveu.

Por conta do duro lance, Messi ode ser punido com quatro jogos de suspensão, o deixando de fora, inclusive, do próximo duelo entra o Barcelona e o Athletic Bilbao, no dia 31.