<
>

Série B: Cruzeiro perde do Juventude e dá adeus matemático ao acesso ainda com 3 jogos a fazer

play
Palmeiras, Coritiba e Cruzeiro: Alex revela o que pensa sobre trabalhar nos clubes em que foi ídolo (2:02)

'Não ligo muito para a pressão'; completou o ex-meia (2:02)

Faltando três jogos para o fim da Série B, o Cruzeiro já não tem mais chances matemáticas de conseguir o acesso para o Brasileirão após perder por 1 a 0 para o Juventude, que segue vivo na briga para subir. A partida, válida pela 35ª rodada da competição, foi disputada no estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul, no sábado (16/01).

Com o resultado, o clube gaúcho subiu para a quarta posição, com 55 pontos.

Já o time de Luiz Felipe Scolari segue em 13º na competição, com 44 pontos. Se não pode mais subir, a equipe celeste ainda tem chances remotas de cair: tem seis pontos a mais do que o primeiro time na zona de rebaixamento (Vitória).

O Cruzeiro começou melhor na partida e perdeu duas chances. William Pottker e Giovanni foram parados pelo goleiro Marcelo Carné.

Aos 21 minutos do primeiro tempo, os donos da casa abriram o placar depois que Matheus Pereira puxou Capixaba dentro da área e o juiz marcou a infração. Rafael Grampola cobrou com força a penalidade no alto do gol de Fábio, que pulou para o lado esquerdo.

Apesar de ter mais posse de bola, a equipe celeste não conseguiu mais levar perigo ao gol adversário até o fim da primeira etapa.

O Cruzeiro chegou a empatar no começo do segundo tempo, mas o gol foi anulado. Aos quatro minutos, Rafael Sóbis recebeu passe de Pottker e chutou cruzado, sem chances para Carné. O auxiliar, porém, marcou impedimento do atacante celeste.

Aos 13, Sóbis acertou uma bomba de fora área no ângulo esquerdo, mas o arqueiro do Juventude se esticou para defender.

O Cruzeiro seguiu pressionando o Juventude, que se defendia e tentava sair no contra-ataque, mas sem sucesso. Aos 41, Felipe Machado recebeu cruzamento na área a cabeceou, mas Carné não deu rebote.

Um minuto depois, Pottker avançou pela direita, deixou os marcadores para trás e chutou rasteiro, mas a bola acertou a trave esquerda.

Ficha técnica

Juventude 1 x 0 Cruzeiro

GOLS: Rafael Grampola

JUVENTUDE: Marcelo Carné, Igor, Wellington (Augusto), Emerson Silva, Eltinho, Gabriel Bispo, Gustavo Bochecha, Renato Cajá (Everton), Capixaba (Matheuzinho), Rafael Grampola (Everton) e Rogério (Roberto);
Técnico: Pintado

CRUZEIRO: Fábio, Raúl Cáceres, Manoel, Ramon, Matheus Pereira (Rafael Luiz), Adriano, Machado (Jadson), Giovanni (Welinton), William Pottker, Rafael Sobis e Airton (Marcelo Moreno);
Técnico: Luiz Felipe Scolari


Estatísticas

- Juventude é o melhor ataque da Série B com 47 gols

- O Cruzeiro já levou 31 gols na competição

- Rafael Grampola balançou a redes 4 vezes no torneio

- Pintado tem 39 jogos no comando do Juventude: são 16 vitórias, 10 empates e 13 derrotas.

- Posse de bola: Juventude 37% x 63% Cruzeiro

- Chutes ao gol: Juventude 7 (3) x (3) 18 Cruzeiro


Classificação

  • Juventude - 4º lugar, 55 pontos

  • Cruzeiro - 13º lugar, 44 pontos


Próximos jogos

  • Terça-feira, 19/01, 19h15* - Avaí x Juventude - Série B

  • Quarta-feira, 20/01, 21h30* - Cruzeiro x Operário PR - Série B

*horários de Brasília