<
>

Brasileiro: Atlético-MG empata no fim com Bragantino, mas desperdiça chance de colar em São Paulo e Inter

O Atlético-MG visitou o Red Bull Bragantino, nesta segunda-feira, pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro, e buscou um empate por 2 a 2 aos 52 minutos do 2º tempo, após ficar duas vezes atrás no placar.

Com o resultado, o time comandado por Jorge Sampaoli vai com 50 pontos (em 28 jogos), na 3ª posição, e perde a chance de encostar bem no líder São Paulo (56 pontos em 29 jogos) e no vice-líder Internacional (53 pontos em 29 jogos).

O "Massa Bruta", por sua vez, sobe aos 35 pontos, em 13º lugar, e se afasta mais um pouco da zona do rebaixamento, passando a brigar por vaga na próxima Copa Sul-Americana.

Em campo, o Atlético começou a partida a 200km/h, acertando a trave com apenas 38 segundos de jogo, em finalização de Vargas.

A equipe mineira pressionou muito nos minutos iniciais, criando várias chances, mas não conseguiu vazar a meta do goleiro Cleiton.

Aos poucos, o time da casa foi se ajeitando em campo e passou a equilibrar a partida, mas sem gerar oportunidades claras de gol.

Em uma das poucas vezes que chegou, porém, o Red Bull foi fatal.

Aos 46, Ricardo Ryller aproveitou excelente cruzamento de Helinho, subiu no meio dos zagueiros e mandou de cabeça para as redes.

Na volta do intervalo, o Galo partiu para a pressão em busca de um empate rápido e acabou conseguindo.

Logo aos 10, Guilherme Arana desceu bem pela esquerda e cruzou rasteiro. Vargas furou, mas Savarino conferiu no 2º pau.

O lance animou o Atlético, que foi com tudo para cima em busca da virada. Mas uma bobeada atrás complicou os planos.

Aos 21, Claudinho bateu escanteio, Edimar subiu bem e resvalou de cabeça para mandar no cantinho de Everson.

O clube de Belo Horizonte ainda teve chance de ouro para empatar aos 41, com Sasha. No entanto, ele demorou muito para chutar e foi travado por Cleiton.

E quando parecia que o Red Bull Bragantino venceria o jogo, o Atlético teve pênalti a seu favor já aos 52 do 2º tempo: Ramires errou na hora de afastar e chutou a perna de Arana na área.

Na cobrança da penalidade, Hyoran pediu a bola e bateu muito bem, decretando o 2 a 2 em Bragança Paulista.

Ficha técnica

Red Bull Bragantino 2 x 2 Atlético-MG

GOLS: Red Bull Bragantino: Ricardo Ryller e Edimar Atlético-MG: Savarino e Hyoran (pênalti)

RED BULL BRAGANTINO: Cleiton; Weverton (Ligger), Léo Ortiz, Fabrício Bruno e Edimar; Ricardo Ryller (Ramires), Raúl e Claudinho; Helinho (Bruno Tubarão), Cuello (Morato) e Ytalo (Chrigor) Técnico: Maurício Barbieri

ATLÉTICO-MG: Everson; Guga, Réver, Júnior Alonso e Guilherme Arana; Allan (Nathan), Alan Franco (Jair) e Hyoran; Savarino, Keno e Vargas (Eduardo Sasha) Técnico: Jorge Sampaoli

Estatísticas

gol de Ricardo Ryller em 29 jogos pelo Bragantino na temporada

O Red Bull Bragantino teve 51% de posse de bola no 1º tempo

O Bragantino finalizou 4 vezes no 1º tempo, contra 3 do Atlético-MG

gol de Savarino em 33 jogos pelo Atlético-MG na temporada

gol de Edimar em 38 jogos pelo Bragantino na temporada

gol de Hyoran em 37 jogos pelo Atlético-MG na temporada

O Atlético-MG terminou o jogo com 19 finalizações, contra 11 do Bragantino


Classificação

- Red Bull Bragantino: 13º lugar, com 35 pontos
- Atlético-MG: 3º lugar, com 50 pontos


Próximos jogos

As duas equipes voltam a campo nos próximos dias, pelo Brasileirão.

  • Domingo, 17/01, 18h15*, Atlético-MG x Atlético-GO

  • Domingo, 17/01, 20h30*, Ceará x Red Bull Bragantino

*horário de Brasília