<
>

Roma quer Bernard, do Everton, como 'reserva de luxo' para dupla de destaque, diz jornal

O brasileiro Bernard pode estar próximo de mudar de clube na Europa.

De acordo com o jornal Corriere dello Sport, a Roma possui interesse na contratação do atacante e pode incluí-lo em uma troca com o Everton.

O clube italiano considera ceder aos Toffees o goleiro Robin Olsen, atualmente emprestado ao time de Liverpool, em definitivo, abaixando o valor da negociação pelo craque brasileiro.

Os giallorrossi querem um reserva imediato para a dupla Mkhitaryan e Pedro, por conta da ausência de Zaniolo por lesão.

Além disso, o técnico Paulo Fonseca trabalhou com o brasileiro quando os dois estiveram no Shakhtar Donetsk, da Ucrânia.

Em novembro, o brasileiro admitiu que recebeu sondagens da Roma e de outros clubes, mas manteve seu interesse em ficar na Inglaterra, em entrevista à repórter Natalie Gedra, da ESPN Brasil.

"Tive muitas sondagens, da Arábia, da Roma. Mas desde o primeiro momento que cheguei, eu queria demonstrar o meu valor e não sair dessa forma", afirmou o ex-jogador do Atlético-MG.

"Lógico que seria uma oportunidade muito boa estar com um treinador que já me conhecia, que foi o Paulo (Fonseca), que trabalhou comigo no Shakhtar, mas sempre estive muito focado, deixei essas coisas para meu empresário, o clube, a própria Roma resolverem. Eu fiquei feliz de ter ficado, porque é um clube que sempre me deu muito suporte", completou.

O Everton, por sua vez, tem interesse na manutenção do goleiro Robin Olsen. O time busca um substituto imediato para Jordan Pickford, muito criticado por conta de suas atuações mais recentes.

Além de Bernard, a Roma ainda considera a contratação do italiano Stephan El Shaarawy.

O jogador de 28 anos, porém, tem contrato com o Shangai Shenhua, que reluta em liberá-lo.