<
>

Villas-Boas detona indicação de Bielsa a prêmio de melhor treinador de 2020: 'Um escândalo'

play
'Herói, vilão, trapaceiro e gênio': como Inglaterra reagiu à morte de Diego Maradona (3:11)

O craque não resistiu a uma parada cardiorrespiratória sofrida na casa da filha dele, no bairro Vila Nova, zona metropolitana de Buenos Aires, neste 25 de novembro. (3:11)

Uma das grandes surpresas entre os nomeados como finalistas do prêmio The Best da Fifa foi o argentino Marcelo Bielsa, atual comandante do Leeds United e que conseguiu colocar a equipe na elite inglesa depois de 16 anos.

Sua presença entre os finalistas, porém, gerou um incômodo em um de seus colegas de profissão. Hoje no Olympique de Marselha, André Villas-Boas disse não concordar com a escolha do argentino e citou seu rival de Ligue 1 como alternativa.

“Bielsa? Merece o reconhecimento, mas não pode estar entre os cinco melhores treinadores do mundo em 2020. Só ganhou o Championship, é um escândalo. O Tuchel ganhou quatro títulos e chegou à final da Champions League”, atacou.

Thomas Tuchel, além de finalista do torneio europeu, quando perdeu com o PSG para o Bayern de Munique, conquistou o título da Ligue 1, da Copa da França e da Copa da Liga.

Além de Bielsa, também foram escolhidos como finalistas Julen Lopetegui, do Sevilla, Zinedine Zidane, do Real Madrid, Jürgen Klopp, do Liverpool, e Hans Dieter Flick, do Bayern de Munique.