<
>

Palmeiras define novo alvo: 'carrasco' de Jesus, multa milionária e visto como moderno; conheça

O Palmeiras tem um novo alvo para o cargo de treinador. Trata-se de Abel Ferreira, que atualmente dirige o PAOK, da Grécia.

O ESPN.com.br apurou com fontes ligadas ao clube paulista que o técnico tem o perfil buscado, de trabalhar com nomes das categorias de base e que tem uma forma moderna de táticas de futebol, algo buscado para complementar o tão falado 'DNA' palmeirense.

Segundo informações apuradas por Eduardo de Meneses, repórter dos canais ESPN, as conversas entre as partes evoluíram e o clube paulista negocia o pagamento da multa rescisória entre R$ 4 a R$ 6 milhões. O time paulista ainda trata a negociação com extrema cautela, muito por conta dos fracassos nas negociações com Miguel Ángel Ramírez.

A reportagem apurou ainda que um dos empecilhos para o avanço na negociação é a multa rescisória do treinador, que tem vínculo até 30 de junho de 2022 com o time grego.

Os valores, segundo informações dos jornalistas Leandro Quesada e de Jorge Nicola, dos canais ESPN, giram em torno dos 6 milhões de euros, cerca de R$ 40 milhões.

Com apenas 41 anos, Abel Ferreira tem uma carreira curta, porém promissora como treinador de futebol.

O português começou os trabalhos nas categorias de base do Sporting, clube no qual encerrou as atividades como jogador profissional. Foi por lá que Abel trabalhou ao lado de Leonardo Jardim, nome cotado para dirigr o Flamengo antes da contratação de Domènec Torrent por parte do clube.

O primeiro trabalho em um time principal foi no Braga, onde ficou entre 2017 e 2019. Diante da modesta equipe de Portugal, o treinador realizou bons trabalhos e na última campanha no Campeonato Português da temporada 2018/2019 encerrou a competição na 4ª colocação, levando o Braga aos playoffs da Uefa Europa League.

No PAOK, Abel Ferreira fez história na atual edição da Uefa Champions League ao eliminar o Benfica logo na primeira rodada.

Em partida única, o clube grego fez 2 a 1 no badalado rival português comandado por Jorge Jesus e que havia investido quase R$ 400 milhões em novas contratações, mas não foi páreo para o PAOK.

Atualmente, no Campeonato Grego 2020/2021, o time dirigido por Abel Ferreira está na 6ª colocação com duas vitórias e três empates, mas sem ter sido derrotado até o momento na competição.