<
>

Promessa de R$ 158 milhões 'desobedece' Koeman e confirma intenção de continuar no Barcelona

Riqui Puit seguirá no elenco do Barcelona. O jovem meio-campista, avaliado no site Transfermarkt em 25 milhões de euros (R$ 158,7 milhões), decidiu não ouvir o conselho do técnico Ronald Koeman, que sugeriu um empréstimo para ele adquirir mais experiência, e confirmou a permanência no Camp Nou.

A promessa da base culé e seu pai fizeram nesta segunda-feira (21) uma reunião com o secretário-geral do Barça, Ramon Planes, e demonstraram a intenção de brigar por espaço no elenco e convencer Koeman de que ele pode ganhar a titularidade no decorrer da temporada.

O aproveitamento no elenco, entretanto, não é garantido. O Barça pode inscrever no máximo 25 jogadores no Campeonato Espanhol. Koeman já deixou claro que conta com atletas mais experientes para o meio-campo, o que dificulta a participação de Puig.

"Até que se feche o mercado e as vagas de inscritos não sejam todas preenchidas, não é possível saber (qual será o futuro de Puig)", disse, à ESPN, uma fonte interna do clube, admitindo que o mais provável é que Puig continue vinculado ao Barcelona B.

Na reunião desta segunda-feira, Riqui mostrou que, apesar das palavras de Koeman, está determinado a ficar no Camp Nou e brigar pela posição, ainda que as chances de ser utilizado sejam limitadas.

A ideia do jogador e de seu pai, que também é seu empresário, é usar os primeiros três meses de temporada para tentar fazer Koeman mudar de ideia. Seu contrato vai até junho de 2021, mas existe a intenção do Barça de exercer a renovação automática por mais dois anos. No entanto, se Puig não ser mesmo utilizado pela comissão técnica, a situação pode ser revista.

Hoje, a sposta de Puig é clara: não desistirá do sonho de brilhar no Barcelona.