<
>

Flamengo: Adriano Imperador, goleiro Bruno e Cuca de técnico: relembre a última vez que o clube levou 5 a 0

Os 5 a 0 que o Flamengo levou do Independiente del Valle, nesta quinta-feira, pela fase de grupos da Conmebol Libertadores, já entraram para a história.

A goleada foi a maior humilhação já sofrida pelo clube rubro-negro em toda a sua história na competição sul-americana.

Segundo o jornalista Rodolfo Rodrigues, a derrota desta quinta superou os 5 a 1 levados diante do Grêmio na semifinal da Libertadores de 1984.

Mas tirando a Libertadores, a última vez que o Flamengo havia perdido de 5 a 0 foi na década passada.

Foi em 14 de junho de 2009, contra o Coritiba, no Couto Pereira, em duelo válido pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro.

O Flamengo ocuparia apenas a 11ª colocação do torneio ao fim daquela rodada, mas ao fim seria campeão nacional.

O técnico era Cuca, que no mês seguinte deixaria o cargo, e Andrade assumiria até o título. No gol, Bruno, que anos depois seria preso. A zaga era formada por Éverton Silva, Juan, Ronaldo Angelim e Welinton. No meio, Ibson, Toró, Everton e Airton. O ataque tinha Adriano Imperador e Josiel.

Welington fez um gol contra aos 7 minutos de jogo. Depois, Marcos Aurelio, Leozinho e Bruno Batata fizeram os gols do Coxa.

O Flamengo ainda teve Airton expulso, enquanto o Coritiba perdeu Ariel, em lance com Airton, e Felipe já no fim do jogo.