<
>

Flamengo 'sem pegada': relembre o que disse Lucas Pratto e por que Bap o mandou 'tomar no c***'

Vice-presidente de Relações Externas do Flamengo, Luiz Eduardo Baptista causou polêmica na última quarta-feira durante uma live com influenciadores da torcida rubro-negra.

Bap, como é conhecido, falou sobre o ano vencedor do clube em 2019 e lembrou de uma declaração do atacante Lucas Pratto, do River Plate, após um jogo da Libertadores de 2018, para agora rebatê-lo.

A frase do ex-jogador de São Paulo e Atlético-MG foi dita depois de um empate por 2x2 no estádio Nilton Santos pela fase de grupos: "O Flamengo é um time de bom jogo, mas não de tanta pegada".

"Me lembro de uma declaração do Lucas Pratto, que eu fiquei enlouquecido, dizendo 'Ah, eles não têm pegada, eles são muito gentis. Eu caí em campo, o Diego me ajudou a levantar, mas não têm pegada de Libertadores'. Pô, fiquei pensando: 'Vou contratar um cabra para dar um tiro na cara desse filho da p***'", afirmou o dirigente.

"Depois eu pensei: 'Bom, talvez seja mais complicado e eu acabe na cadeia, né? Quem sabe eu consiga trabalhar duro para mudar a vergonha na cara de quem está no Flamengo'. Eu tenho que botar em campo que não goste de perder nem no par ou ímpar".

Os torcedores, então, lembram do erro de Pratto (e o carrinho de Diego) que rendeu um gol ao Flamengo na final da Libertadores do ano passado, e Bap diz: "Eu não falei isso de graça. O bom de falar com 'loucos' é que para bom (entendedor) meia (palavra basta), todo mundo entende".

"Diego foi ser gentil com ele, e ele disse que o Diego era bobo, bundão, era muito gentil e não podia ganhar a Libertadores. Vai tomar no c***, Lucas Pratto. Me desculpe aí pelo meu francês", continuou Bap.