<
>

Premier League interrompida e Manchester City campeão? Há quem defenda a ideia; entenda

play
Coronavírus adiou Liverpool x Everton, mas a ESPN simulou o clássico para você (1:36)

Partida aconteceria nesta segunda-feira e foi adiada pela pandemia (1:36)

As equipes e federações europeias ainda não sabem o que vai acontecer com seus calendários devido à paralisação por causa da pandemia causada pelo coronavírus.

Mas o presidente do Lyon, da França, lançou uma ideia das mais controversas para tentar solucionar a questão.

Segundo o jornal Manchester Evening News, Jean-Michel Aulas, o dirigente francês propôs que os campeões fossem apontados após um cálculo com as média de posição das últimas temporadas.

Quem tivesse a menor média, ou seja, quem ficou nas melhores posições nos últimos cinco anos, fica com o título.

"O melhor seria terminar os campeonatos. Mas vai ser difícil", publicou Aulas no Twitter.

Se levada a cabo, a ideia faria do Manchester City o campeão da Premier League 2019-2020, a despeito da astronômica vantagem de 25 pontos que o Liverpool têm para os Citizens.

Vale informar: o Lyon é o atual sétimo da Ligue 1. Se a ideia de Aulas fosse aplicada, o time seria segundo ou terceiro, tirando a média de posição dos últimos cinco anos na França.

Um pouco conveniente, portanto, a posição do francês.