<
>

Felipe Melo assobia música de torcida, comemora título do Boca e provoca River

Fã declarado do Boca Juniors, Felipe Melo deixou a torcida pelo clube ainda mais evidente na noite de sábado, ao celebrar o título da equipe no Campeonato Argentino. Nas redes sociais, mostrou que estava acompanhando de perto a vitória por 1 a 0 sobre o Gimnasia y Esgrima, além do empate do rival River Plate com o Atlético Tucumán, resultados que deixaram o troféu na Bombonera.

Felipe Melo postou diversos stories no Instagram em que acompanhava os dois jogos. Mostrou o gol de Carlitos Tevez, que garantiu o título ao Boca, assoviou uma música da torcida do clube e até provocou o River, ao colocar uma imagem de uma galinha, apelido pejorativo dado ao time do Monumental de Núñez, ao lado de uma garota chorando.

O volante do Palmeiras já havia se declarado torcedor do Boca Juniors e, por esta ligação, acabou sendo chamado de “bostero” por um jogador do Tigre no duelo da última quarta-feira pela Libertadores. Este termo é utilizado por rivais para ofender os torcedores do Boca.

Em entrevista esta semana ao jornal Clarín, Felipe Melo deixou no ar a possibilidade de jogar no clube argentino no futuro e, inclusive, revelou a idolatria pelo meia Riquelme e pelo zagueiro Rolando Schiavi, que marcaram na história da equipe argentina nos anos 2000.

Com o triunfo na Bombonera e o empate do River fora de casa, o Boca Juniors ultrapassou o rival na última rodada do Campeonato Argentino e ficou com o título. Pior para o time do técnico Marcelo Gallardo, que ainda não conquistou este título desde que assumiu o cargo em 2014.