<
>

Após vexame histórico, Atlético-MG demite Dudamel, toda a comissão técnica, Rui Costa e Marques

play
Bertozzi coloca eliminação para o Afogados como um dos maiores vexames da história do Atlético-MG e vê diretoria como principal culpada (2:51)

Após um 2 a 2 no tempo regulamentar, Galo caiu da Copa do Brasil nos pênaltis (2:51)

Após a vexaminosa eliminação na 2ª fase da Copa do Brasil para o Afogados, o Atlético-MG anunciou uma verdadeira revolução na madrugada desta quinta-feira.

Por meio de suas redes sociais, o time de Belo Horizonte comunicou a demissão do técnico Rafael Dudamel e toda a sua comissão técnica.

Além disso, o diretor de futebol Rui Costa e o gerente de futebol Marques também deixam o clube.

Dudamel deixa o Galo com péssimos números: em 10 jogos, foram 4 vitórias, 4 empates e 2 derrotas, fora as eliminações na Copa Sul-Americana e na Copa do Brasil.

Rui Costa estava no cargo desde abril de 2019, enquanto Marques trabalhava para o time desde outubro de 2018.

O Atlético também anunciou que, contra o Boa Esporte, neste domingo, pelo Campeonato Mineiro, a equipe será comandada por James Freitas e Lucas Gonçalves, ambos da comissão técnica fixa.

"O grupo se reapresenta nesta sexta-feira à tarde e já fica concentrado", informou o clube.