<
>

No reencontro com Ibrahimovic, Cristiano Ronaldo marca no fim e Juventus arranca empate com Milan pela Copa da Itália

play
Cristiano Ronaldo marca no fim e Juventus arranca empate com Milan pela Copa da Itália; veja os gols (0:53)

De pênalti, craque português impediu a derrota no jogo de ida das semifinais do torneio (0:53)

No reencontro entre Ibrahimovic e Cristiano Ronaldo, Milan e Juventus duelaram nesta quinta-feira em San Siro e ficaram no empate por 1 a 1, pelo jogo de ida das semifinais da Copa da Itália. Superior na maior parte do confronto, o time da casa saiu na frente no segundo tempo, mas foi castigado nos acréscimos com pênalti polêmico, que Ronaldo converteu.

O resultado deixou tudo aberto para o duelo de volta, dia 4 de março, em Turim.

O Milan martelou desde o início e levou perigo ao gol de Buffon em duas oportunidades no primeiro tempo: aos 21, com Calabria, e aos 27, com Rebic. Mas o veterano goleiro levou a melhor em ambas.

Apesar da maior posse de bola, a Juventus só assustou em chute de longe de Cuadrado, que Donnarumma espalmou.

O segundo tempo começou como o primeiro, com o Milan aceitando a posse da Juventus e respondendo no contragolpe. Buffon, porém, seguia levando a melhor.

Logo com um minuto, defendeu finalização de Rebic. Aos 14, Ibrahimovic e, depois, Theo Hernández também pararam no goleiro.

Buffon só não teve o que fazer quando Castillejo cruzou para Rebic concluir, aproveitando cochilo de De Sciglio: 1 a 0 para os donos da casa e festa nas arquibancadas.

O gol tornou o Milan dono da partida, mas Theo Hernández mudou tudo aos 26, quando pisou no pé de Dybala e foi expulso infantilmente.

A Juventus foi para cima e chegou ao empate aos 45, após pênalti cometido por Calabria, que tocou a mão na bola. Ronaldo foi para a cobrança, chutou no meio e selou o empate.

Ficha técnica

Milan 1 x 1 Juventus

GOLS: Milan: Rebic. Juventus: Cristiano Ronaldo.

MILAN: Donnarumma; Calabria, Kjaer, Romagnoli e Theo Hernández; Bennacer, Kessié, Castillejo (Saelemaekers) e Calhanoglu (Lucas Paquetá); Rebic (Laxalt) e Ibrahimovic. Técnico: Stefano Pioli.

JUVENTUS: Buffon; De Sciglio, De Ligt, Bonucci e Alex Sandro; Ramsey (Bentancur), Pjanic e Matuidi (Rabiot); Cuadrado, Dybala e Cristiano Ronaldo. Técnico: Maurizio Sarri.

Estatísticas

Ibrahimovic tem apenas um gol marcado em Buffon na carreira, na Eurocopa de 2004, no empate entre Suécia e Itália

Após ficar nove jogos sem marcar pelo Milan, Rebic anotou seu quinto gol nas últimas seis partidas

O Milan segue sem bater a Juventus na Copa da Itália desde 1985

Com o empate desta quinta, já são 13 partidas sem bater a rival no torneio


Ibra x Ronaldo

No aguardado confronto, Ibrahimovic foi mais participativo e fundamental para o bom jogo do Milan, que foi mais perigoso que a Juventus durante a maior parte do jogo. Cristiano Ronaldo, porém, mostrou por que é tão decisivo. Foi dele o voleio que resultou no pênalti de Calabria e o gol que selou a igualdade já nos acréscimos.


Buffon

Se a Juventus deixou o San Siro com o empate, foi porque Buffon terminou como um dos destaques da partida. Aos 42 anos, o veterano mostrou o reflexo de seus melhores dias e impediu que o Milan fosse a Turim com uma boa vantagem.


Próximos jogos

As duas equipes agora voltam a campo pela Serie A.

  • Domingo, 16/02, 11h*, Juventus x Brescia

  • Segunda-feira, 17/02, 16h45*, Milan x Torino

*horário de Brasília