<
>

Flamengo e Arsenal não se acertam, e Marí deve continuar no Brasil após exames na Inglaterra

play
Flamengo pediu a venda, e Arsenal queria empréstimo: Nicola conta o que atrapalhou negócio de Pablo Marí (1:24)

Time inglês insistiu no modelo e queria opção de compra, mas clube brasileiro precisava do dinheiro (1:24)

Pablo Marí não vai trocar o Flamengo pelo Arsenal. O desfecho surpreendente depois de o zagueiro passar até por exames na Inglaterra acontece depois que os clubes não se acertaram em relação aos termos do contrato.

A informação foi dada primeiramente pelo jornal britânico “Daily Mail” e confirmada pela ESPN. As equipes chegaram a um impasse em relação à estrutura do negócio, entre empréstimo ou venda e redação de termos do acordo.

É improvável que o caso tenha uma nova reviravolta porque a janela de transferências na Inglaterra se encerra na sexta-feira (31/01). O Arsenal, que já tem tudo acertado com o zagueiro, tem até esta data para tentar chegar a um denominador comum com o Flamengo.

O elenco principal do time de Jorge Jesus se reapresenta nesta segunda-feira, e o defensor já está no Ninho do Urubu.

Segundo a imprensa britânica, o Arsenal pagaria aproximadamente 9 milhões de euros (R$ 41 milhões na cotação atual) para contratar Pablo Marí. O valor era quase oito vezes superior ao 1,2 milhão de euros (R$ 5,5 milhões na época) que o Flamengo investiu há pouco mais de seis meses.

Marí foi contratado pelo Flamengo em julho, junto ao Manchester City, clube pelo qual o zagueiro não fez uma partida sequer. Ele estava no Deportivo La Coruña, emprestado. Antes disso, o espanhol também havia sido cedido pelos ingleses ao Girona-ESP e NAC Breda-HOL.

Com a camisa rubro-negra, Marí assumiu rapidamente a titularidade e formou ao lado de Rodrigo Caio a zaga que foi campeã do Campeonato Brasileiro e da Copa Libertadores em 2019.