<
>

Vizeu é anunciado por clube de 'zona de guerra' e com dono que já deu chuteira de Swarovski e carrão

Após a Udinese dizer que emprestaria Felipe Vizeu para o Athletico-PR até dezembro, a negociação melou. Nesta quarta-feira, o jogador foi anunciado pelo Akhmat Grozny, da Rússia, que cobriu a oferta salarial, além de pagar um valor pelo empréstimo de um ano.

O atacante era aguardado no Centro de Treinamento do time paranaense para fazer exames médicos e assinar contrato no dia 6 de janeiro, mas o clube russo atravessou o negócio.

No Akhmat Grozny, Felipe Vizeu terá a companhia dos meias brasileiros Ravanelli Santos e Ismael Lima.

O clube sediado na capital da Chechênia, uma das regiões mais turbulentas do país, com marcas de guerras por todos os lados. Por causa dos conflitos na região da Chechênia, a equipe chegou a ser transferida para a cidade de Kislovodsk, a 500 km de Grózni.

O mandatário do clube, o ex-rebelde Ramzan Kadyrov, também é presidente da Chechênia e grande aliado do primeiro-ministro Vladimir Putin. Ele é famoso por ser implacável contra seus inimigos, principalmente as forças separatistas da região, e ser acusado de violar direitos humanos.

Fanático por futebol, o russo gosta de presentear os jogadores.

"Ele é torcedor fanático e vai a todos os jogos, adora os jogadores e os trata como filhos. Ele costuma dar muitos presentes, até carros para os atletas que se destacam. Ganhei um Corolla muito bonito, com chave e tudo, além de ter um carro emprestado pelo clube, um pouco mais simples. Foi no meu 100º jogo, e ainda fiz um gol naquele dia", contou Maurício, ex-meia do Fluminense, que jogou na equipe russa em 2016.

O mimo mais especial, porém, foi um par de chuteiras decoradas com os famosos cristais Swarovski, que o presidente checheno entregou ao brasileiro em um jantar especial em sua casa.

"Ele me disse: 'Você é da nossa família já, está aqui há mais de cinco anos e gostamos muito de você, por isso quis te dar um presente especial'. Fiquei feliz demais, é um dos mais homens mais importantes da Rússia", completou Maurício.

Aos 22 anos, Felipe Vizeu foi revelado pelo Flamengo e foi vendido para a Udinese em 2018. Na equipe italiana, o brasileiro fez apenas cinco jogos. Na última temporada, ele foi emprestado ao Grêmio e marcou cinco gols em 26 jogos.