<
>

São Paulo: Negociação avança, e presidente do Querétaro admite que Tiago Volpi deve ser comprado

play
Raí fala em obrigação de garantir vaga na fase de grupos da Libertadores e fala do futuro de Diniz (1:30)

Diretor de futebol do clube ainda cobrou regularidade da equipe na competição (1:30)

O São Paulo já se aproximou da direção do Querétaro para fazer valer a opção de compra do goleiro Tiago Volpi, emprestado para a equipe tricolor por um ano (o contrato termina neste mês).

“O pessoal do São Paulo quer comprá-lo, já tinham me falado, e veremos em dezembro”, disse o presidente dos Gallos, Jaimes Ordiales, à ESPN.

O goleiro de 28 anos deixou o México para jogar em seu país e quem sabe ser chamado para a seleção brasileira. Volpi ganhou a única Copa MX da história do Querétaro e ainda tem contrato até 2022. O valor da opção de compra é de US$ 5 milhões, cerca de R$ 21,1 milhões.

As negociações entre os dois clubes começaram há três semanas, e espera-se que o goleiro continue sua carreira no time do Morumbi.

“Volpi tem uma opção de compra pelo São Paulo, e o mais provável é que esta opção seja exercida. Nós lhe desejamos o melhor: se quiser voltar, tem as portas abertas. É um ícone da instituição, uma referência, muito querido, e acredito e entendo que quer se destacar em seu país, chegar à seleção nacional pelo São Paulo, e acredito que vão adquiri-lo”, afirmou Ordiales.

O lugar de Tiago Volpi foi ocupado por Gil Alcalá, formado na base do Querétaro e que ajudou a equipe a chegar às quartas de final do Apertura Mexicano em 2019.