<
>

Evando não fica no comando do Avaí para temporada 2020

Após a 16ª derrota no Campeonato Brasileiro, o coordenador de futebol do Avaí, Diogo Fernandes, afirmou que o clube já planeja 2020 e tem uma certeza: Evando não seguirá como treinador.

“O Evando não fica como treinador para a temporada 2020. Vamos trazer um treinador para o início da temporada”, comentou.

Conhecido pelo torcedor do Leão da Ilha como ‘Iluminado’, o ex-atacante foi anunciado como técnico do Avaí horas após a saída de Alberto Valentim para o Botafogo.

(Foto: André Palma Ribeiro/Avaí)

“Pelo Evando ter trabalhado junto com o Alberto (Valentim), se entendeu que era melhor dar sequência a ele por já conhecer o grupo. Também para tirar do novo treinador o peso da nossa campanha e começar o ano sobrecarregado”, comentou Diogo, em entrevista ao Grupo VEG Esportes.

Terceiro comandante na temporada, o treinador é figura conhecida do torcedor azurra. Além de ser ídolo do clube catarinense, com mais de 100 gols marcados, integrava a comissão técnica permanente desde 2015.

A pressão sob Evando aumentou após as três derrotas nos três jogos à frente da equipe- antes de perder para o São Paulo por 1 a 0, sofreu revés para o Internacional, por 2 a 0, e Ceará, por 1 a 0. Na lanterna do Brasileirão, com apenas 17 pontos em 27 rodadas, 12 a menos que o Fluminense, primeiro time fora da degola. Assim, o Avaí tem 99% de chance de rebaixamento, segundo matemáticos.

Apesar de não revelar nomes, Diogo Fernandes já traçou o perfil que vai buscar no mercado. “Um perfil de treinador que faça a equipe jogar, que tenha um futebol mais atraente e uma equipe que tenha proposição de jogo”.