<
>

Chelsea vence fora de casa com bela atuação de Abraham e Mount e se aproxima dos líderes da Premier League

Fora de casa, o Chelsea venceu o Southampton por 4 a 1 pela oitava rodada da Premier League e chegou ao quinto lugar da tabela.

Novamente sofrendo as consequências de não ter contratado ninguém na última janela de transferências por conta de uma punição, Frank Lampard apostou mais uma vez nos garotos do time e começou a partida com um time que tinha a média de 24 anos de idade. Willian, com 31 anos, era o mais velho em campo.

E teve resultado!

Tammy Abraham brilhou novamente, abriu o placar do jogo após receber belo lançamento, encobrir o goleiro e apenas assistir o zagueiro adversário tentar tirar a bola em cima da linha, mas ser 'denunciado' pelo sistema milimétrico que indicou que a bola entrou.

Esse foi o oitavo gol do atacante de 22 anos na competição, que está empatado com Sergio Aguero, do Manchester City, na artilharia.

Após abrir o placar, os Blues pressionaram a defesa, roubaram a bola novamente e Willian, bem posicionado, encontrou outro jovem, Mason Mount, de 20 anos, que só precisou tirar do goleiro e sair para comemorar outro gol.

Para dar um pouco de 'emoção' ao jogo, os donos da casa assistiram Valery fazer belíssima jogada pela direita e encontrar Danny Ings na área, que nem comemorou o gol e já correu para o centro do campo.

Mas não demorou muito para o jogo voltar para o lado azul. Kanté, o 'roubador de bolas' do time, recebeu na frente da área, arriscou um chute forte, a bola desviou no zagueirão e morreu no fundo do gol de Gunn.

Para finalizar, dois jogadores que entraram no segundo tempo, Pulisic e Batshuayi fecharam o caixão. Após bela assistência, o belga fez o quarto e último gol do time.

E assim acabou o jogo, os donos da casa demonstraram afobação nos minutos finais, mas sem nenhum poder de reação apenas assistiram o time de Lampard garantir o resultado e chegar aos 14 pontos.

No entanto, se Ralph Hasenhüttl, técnico do Southampton, não ligar a luz de alerta para o time, uma temporada que parecia promissora pode se tornar preocupante.

Mesmo com um bom elenco, que no começo da temporada era colocado brigando por uma vaga, pelo menos, na Europa League, o time atualmente está em 16º na tabela e ainda pode ser ultrapassado pelo Newcastle, caso esse vença o Manchester United.

A zona de rebaixamento se aproxima cada vez mais...

A base faz a diferença!

Com o resultado de hoje, 13 dos 17 gols marcados pelo Chelsea na Premier League foram marcados por jogadores que subiram das categorias de base do clube.

Abraham, claro, é o artilheiro do time com oito gols e disputa pela artilharia.

Mason Mount, com quatro, também ajuda as estatísticas a favor dos jogadores da base.

Inclusive, o reforço do meio da última temporada, Christian Pulisic não aparece no time titular há sete jogos. Neste domingo, começou novamente no banco de reservas e entrou no segundo tempo, tendo tempo para dar a assistência para o último gol do time.

Porém, nestes sete jogos que começou no banco, em cinco nem ao menos entrou em campo.