<
>

Liverpool vence Chelsea nos pênaltis e conquista Supercopa da Uefa pela 4ª vez

O campeão da Uefa Champions League é também o vencedor da Supercopa da Uefa. O Liverpool superou o Chelsea nos pênaltis nos pênaltis por 5 a 4 após empate por 1 a 1 nos 90 minutos. Na prorrogação, o jogo terminou 2 a 2. É o segundo título de Jürgen Klopp na Inglaterra.

Olivier Giroud abriu o placar para os londrinos no Vodafone Park em Istambul (Turquia) no primeiro tempo. Sadio Mané empatou na etapa final e viraria na prorrogação. Jorginho definiu a igualdade ao converter um pênalti cometido pelo goleiro Adrián, substituto do lesionado Alisson.

Nos pênaltis, Roberto Firmino, Fabinho, Divock Origi, Trent Alexander-Arnold e Mohamed Salah converteram todas as cobranças do time vermelho. Do outro lado, Jorginho, Ross Barkley, Mason Mount e Emerson Palmieri marcaram, enquanto que Tammy Abraham parou em Adrián na última cobrança.

Com a conquista, o Liverpool vai a quatro taças (tinha vencido também em 1977, 2001 e 2005) e se junta ao Real Madrid como terceiro maior ganhador da partida, atrás apenas de Barcelona e Milan, que somam cinco troféus cada. O Chelsea, que saiu vitorioso em 1998, sofre o terceiro vice - os outros foram em 2012 e 2013.

O time de Frank Lampard foi melhor no primeiro tempo e criou mais lances de perigo, como aos 21min, quando Pedro acertou a trave. Os Blues abriram o placar aos 36min do primeiro tempo. Pulisic recebeu de Kanté, puxou a marcação e deu belo passe para Giroud, que bateu e venceu Adrián.

Quatro minutos depois, Pulisic avançou pela esquerda, escapou da marcação e chutou rasteiro para o fundo do alvo, mas o gol não foi validado por conta de impedimento do meia-atacante.

Na volta do intervalo, Jürgen Klopp colocou Roberto Firmino na vaga de Alex Oxlade-Chamberlain, e a mudança logo funcionou. Aos 3min, o atacante recebeu grande passe de Fabinho e, na saída do goleiro Kepa, ajeitou inteligentemente para Mané, que dividiu com o arqueiro, antes de completar para a meta.

Na sequência do duelo, os Reds seguiram no ataque. Fabinho mandou pertou do alvo pouco depois. Aos 30min, Kepa faria duas defesas incríveis no mesmo lance após conclusões de Salah e Van Dijk. Na segunda, a bola ainda acertaria a trave.

Aos 38min, o Chelsea respondeu com gol. Mount foi acionado na esquerda e bateu cruzado para marcar, mas o lance acabou invalidado por impedimento. Três minutos depois, Mané finalizou tirando tinta da trave.

Na prorrgação, os atuais campeões da Champions viraram aos 5min do primeiro tempo. Mané avançou pela esquerda, acionou Roberto Firmino, recebeu ótimo passe do brasileiro e chutou fora do alcance de Kepa. A festa dos Reds, porém, durou pouco. Adrián sairia atrasado e derrubaria Abraham na área. Pênalti. Jorginho foi para a cobrança, deslocou o goleiro e empatou o jogo aos 11min. Abraham quase viraria o placar com uma conclusão rente à trave aos 14min.

Na segunda etapa, Mount parou em boa defesa de Adrián aos 8min. Logo depois, Pedro mandou para fora, com muito perigo.

Agora, as duas equipes voltarão a campo no final de semana pela Premier League. O Liverpool visitará o Southampton no St. Mary's Stadium, no sábado, às 11h (de Brasília). Um dia depois, o Chelsea receberá o Leicester City no Stamford Bridge, às 12h30, com transmissão da ESPN Brasil e WatchESPN.