<
>

São Paulo: Em busca de lateral, Cuca fala em trabalhar Igor Vinícius e quer melhora defensiva

play
Arnaldo questiona desempenho do São Paulo no Brasileirão: 'A colocação é enganosa' (1:35)

Para o comentarista, Tricolor já deveria estar jogando melhor (1:35)

O lateral direito Igor Vinícius foi titular pela segunda vez consecutiva no São Paulo no último sábado, quando o time do Morumbi bateu o Fluminense por 2 a 1, no Maracanã, e saltou para a quarta posição do Campeonato Brasileiro. Ganhou elogios do técnico Cuca, principalmente quando o treinador analisou o desempenho ofensivo, e também uma "cobrança".

"Nós estamos amadurecendo o Igor Vinícius, até mesmo [o escalando] nos jogos. Ele tem um potencial enorme. Ataca muito bem. Está melhorando seu posicionamento defensivo. Vamos dar continuidade", disse Cuca.

O gol marcado pelo Fluminense ocorreu justamente no que é visto como o principal fundamento a ser corrigido em Igor Vinícius: a cobertura defensiva. O jogador não conseguiu fechar o espaço na lateral e a jogada aconteceu nas costas dele.

Agora Cuca terá 13 dias até a próxima partida do São Paulo, agendada para 10 de agosto contra o Santos, no Morumbi. Até lá deve aproveitar para trabalhar mais Igor Vinícius. Isso não significa que desistiu do pedido de um novo lateral.

O treinador considera arriscado ter apenas um jogador da posição à disposição. Suas alternativas hoje são Walce, muito jovem e zagueiro de origem, Hudson e Tchê Tchê, que são volantes e o primeiro já disse que prefere não ser improvisado na lateral.

Cuca já traçou o perfil desejado. Quer um jogador que seja experiente, esteja no Brasil e que chegue em condições de jogar. O flamenguista Pará (terceira opção no elenco rubro-negro) se enquadra neste perfil, mas o treinador desconversou.

"Deixo essas coisas para a diretoria. Para o Raí, o Pássaro e o Mancini", disse Cuca.

Com os 13 dias livres, o São Paulo espera resolver a situação da lateral e dar mais uma opção para o técnico o quanto antes. Mas há poucas opções no mercado e uma contratação de fora está praticamente descartada porque a inscrição permitida no Brasil para quem vem de outro país será encerrada no próximo 31 de julho (quarta).