<
>

Tunísia elimina Madagascar da Copa Africana de Nações e acaba com o 'conto de fadas'

O conto de fadas chegou ao fim. Disputando sua primeira Copa Africana de Nações, Madagascar perdeu para a Tunísia por 3 a 0 nesta quinta-feira, no estádio Al Salam, no Cairo, pelas quartas de final da competição.

Ferjani Sassi, aos 7 minutos, Youssef Msakni, aos 15, e Naim Sliti, aos 48, todos da segunda etapa, anotaram os gols do triunfo.

Com o resultado, os tunisianos se classificam para as semifinais, onde enfrentarão a seleção de Senegal. Do outro lado da chave, a Nigéria mede forças com a Argélia.

Madagascar nunca havia se classificado para a principal competição do continente africano – isso porque tentava desde 1972.

Em 2019, conseguiu pela primeira vez a qualificação para a Copa Africana de Nações, mas não foi ao Egito a passeio.

Na primeira fase, duas vitórias e um empate – incluindo triunfo por 2 a 0 sobre a poderosa Nigéria – e classificação no primeiro lugar do Grupo B. Nas oitavas de final, avançou nos pênaltis após igualdade por 2 a 2 contra a República Democrática do Congo no tempo normal. Mas ficou por aí.

Agora, a Tunísia volta a campo neste domingo, às 13h, quando enfrenta Senegal no estádio 30 de Junho, no Cairo.