<
>

Jornal relembra quando Everton Cebolinha parou em Armani, goleiro da Argentina: 'Que se repita'

play
De Messi a Pelé, com Ronaldo, 'Imperador' e Riquelme: Top 10 atletas que desequilibraram em Brasil x Argentina (3:23)

Nesta terça, as seleções voltam a se enfrentar em confronto decisivo de semifinal da Copa América (3:23)

O clássico entre Brasil e Argentina, nesta terça-feira, às 21h30 (de Brasília), no Mineirão, pela semifinal da Copa América, marcará o reencontro do atacante Everton Cebolinha e do goleiro Franco Armani. E, como não poderia deixar de ser, o jornal Olé ironizou e provocou.

O diário lembrou o polêmico jogo entre Grêmio e River Plate, em 30 de outubro de 2018, pela semi da Libertadores, na Arena do Grêmio.

Na ocasião, o Imortal parecia estar praticamente na final, já que havia vencido em Buenos Aires por 1 a 0 e ganhava também por 1 a 0 em Porto Alegre.

Aos 24 do segundo tempo, Everton teve a chance de enterrar de vez o River, em um lance cara-a-cara com Armani, mas viu o arqueiro argentino fazer defesa espetacular com os pés.

Daí para frente, a equipe estrangeira se agigantou, empatou o duelo e, em um lance bastante controverso, virou o placar nos acréscimos, depois de um pênalti marcado através do VAR. Pelos gols fora de casa, o River eliminou o Grêmio e passou à final contra o Boca Juniors.

O Olé lembra que Cebolinha deixou o campo da Arena do Grêmio chorando, e que admitiu, em entrevista no dia seguinte ao confronto, que passou a noite sem dormir relembrando a jogada.

"Nesta terça, Brasil e Argentina definirão quem passa à final da Copa América. Armani será o goleiro da seleção albiceleste, e Everton será titular na ponta esquerda do adversário. Talvez, eles voltem a ficar cara-a-cara... Que a história se repita!", provocou o jornal.