<
>

Juventus tem conversas adiantadas para acertar retorno de Pogba e pode envolver Dybala na negociação, diz canal italiano

play
Matheus Pereira, meia ex-Corinthians, relembra estreia na Juventus e fala sobre emoção por jogar com CR7 (2:37)

Jogador brasileiro estreou pela Juve na reta final desta temporada (2:37)

A diretoria da Juventus se movimenta para reforçar a comissão técnica e seu elenco para a próxima temporada. Além do treinador Maurizio Sarri, do Chelsea, que está próximo de um acordo, a equipe de Turim espera "repatriar" o meio-campista Paul Pogba, do Manchester United.

Após a demissão do técnico italiano Massimiliano Allegri no início do mês passado, a Juve iniciou seus esforços para contar com o atual treinador dos Blues.

Sarri conquistou a Europa League depois de vencer o rival Arsenal na final da competição por 4 a 1 e ergueu seu primeiro troféu da carreira. Assim, além de ser reconhecido pelo trabalho no rival Napoli, da Itália, o treinador chamou as atenções da equipe octacampeã do Campeonato Italiano com a conquista do título internacional em sua primeira temporada na Inglaterra.

A Juventus espera entrar em campo de "cara nova" na próxima temporada. Com o contrato “engatilhado” com o novo comandante, que, inclusive, estreitou os laços com o clube alvinegro após ser perguntado sobre um possível acerto de contrato. “Para italianos, uma ligação de casa é forte”.

E para “agradar” o novo treinador, a diretoria espera recontratar o meia francês Paul Pogba, do United. O atleta passou por uma temporada difícil no clube inglês e, mesmo sendo a quinta contratação mais cara da história do futebol, quando acertou a saída da Juve em 2015 por 105 milhões de euros (cerca de 457 milhões de reais na cotação atual), ele “amargou” o banco de reservas enquanto o técnico José Mourinho comandava a equipe.

Segundo o jornal e canal de televisão SkySports, Mino Raiola, o empresário do jogador, já deu “carta branca” para iniciar as negociações por uma possível transferência. O United pede mais de 100 milhões de euros (cerca de 435 milhões de reais), mas um acordo pode ser fechado se a Juve envolver o argentino Paulo Dybala na transação.

Além dele, o meio-campista da Lazio, Milinkovic-Savic, também é cotado para uma transferência.

Um acordo com o atleta já foi alcançado, porém, a dificuldade é convencer o rival italiano na negociação. A proposta é de 60 milhões de euros (aproximadamente 261 milhões), mas a diretoria da Lazio pede um valor ainda mais alto e deseja receber 90 milhões de euros (cerca de 391 milhões de reais) para liberar o jogador.