<
>

Incêndio no CT do Flamengo deixa mortos e feridos no Rio de Janeiro

Um incêndio na madrugada desta sexta-feira (8) deixou dez mortos e três pessoas feridas no Ninho do Urubu, Centro de Treinamentos do Flamengo, em Vargem Grande, na Zona Oeste do Rio de Janeiro.

Segundo o Corpo de Bombeiros, que informou ter sido acionado por volta de 5h17 da manhã (no horário de Brasília), há uma pessoa em estado grave entre os sobreviventes - entre 30% e 35% do corpo tomado por queimaduras.

Imagens aéreas mostram uma área do CT rubro-negro completamente destruída por chamas. O incêndio, porém, foi controlado por volta de 7h20.

VÍTIMAS

Até o momento, cinco vítimas fatais foram identificadas oficialmente, Christian Esmério, 15 anos, Arthur Vinícius, 14, Jorge Eduardo, 15, Samuel Thomas, 15, e Victor Isaias, 14.

Os três feridos foram transferidos do Hospital Lourenço Jorge, para onde foram levados a príncpio e receberam os primeiros cuidados: Jonathan Cruz Ventura, de 15 anos, foi para o Hospital Pedro II, em Santa Cruz, e Cauan Emanuel Gomes Nunes, 14, e Francisco Diogo Bento Alves, 15, foram para o Hospital Vitória, na Barra da Tijuca

O fogo atingiu o local onde fica alojamento de jogadores das categorias de base do clube.

Douglas Henaut, tenente-coronel dos Bombeiros, informou que seis mortos tinham entre 14 e 17 anos (quatro jogadores da agremiação e outros dois em testes) e os outros quatro eram funcionários do clube. A Polícia Civil é a responsável pela identificação dos corpos.

CAUSA DO INCÊNDIO

Ainda não há informação oficial sobre o que ocasionou o incêndio.

No entanto, o vice-governador do Rio de Janeiro, Cláudio Castro (PSC), informou que pericias preliminares apontam que um problema no sistema de ar-condicionado seria a causa do fogo que levou à tragédia.