<
>

Com 'lei do ex' e gol de Lewandowski, Bayern bate o Benfica na estreia da Champions League

Benfica e Bayern de Munique duelaram em jogo válido pela primeira rodada da fase de grupos da Uefa Champions League nesta quarta-feira. Apesar de toda a tradição do time e português e do apoio de sua apaixonada torcida presente ao Estádio da Luz, do outro lado estava uma das melhores equipes do mundo e uma das grandes favoritas a ficar com o título do principal torneio de clubes do mundo. Tanto é que o Bayern, sem muito esforço, venceu o jogo por 2 a 0.

Os gols da partida foram marcados primeiro por Lewandowski, com direito a drible no zagueiro antes de finalizar boa jogada de Alaba e por Renato Sanches, cria do Benfica e que ainda busca se firmar na Alemanha.

Com o resultado, o Bayern, assim como o Ajax, que também venceu nesta quarta, larga em vantagem no Grupo E da Champions. Os alemães, porém, estão na segunda colocação por causa do saldo de gols. O Benfica, pelo mesmo motivo, é o terceiro.

E a próxima rodada marcará o encontro dos dois times que venceram na estreia e também dos dois que perderam. Isso porque, no dia 2 de outubro, o Bayern recebe o Ajax na Alemanha, enquanto o Benfica vai à Grécia jogar contra o AEK.

O JOGO

Mesmo jogando fora de casa, o Bayern atacou desde o apito inicial e precisou de apenas dez minutos para abrir o placar com um golaço. Após grande jogada coletiva que passou por Renato Sanches, Ribery e Alaba, Lewandowski dominou na área, deixou um defensor no chão e marcou o primeiro gol do jogo.

Mesmo depois do gol, o Bayern seguiu pressionando e impedindo qualquer reação do Benfica. Aos 16 minutos, Robben tentou ampliar, mas o goleiro Vlachodimos fez boa defesa. Aos 21, James Rodriguez tentou o seu, mas errou o alvo.

Depois de sofrer pressão durante 25 minutos, o Benfica melhorou em campo e, aos 31 minutos, chegou perto do empate. Pizzi tentou tirar o segundo zero do placar, mas Neuer fez grande defesa.

Nos minutos finais da etapa inicial, o Bayern voltou a pressionar em busca do segundo gol, mas ele não veio. Robben e Lewandowski tiveram chances, mas ambos pararam no goleiro Vlachodimos, que segurou o placar de 1 a 0 até o intervalo.

De volta dos vestiários, o Bayern repetiu a estratégia do primeiro tempo e novamente foi recompensado com bola na rede. Aos nove minutos, Renato Sanches arrancou com a bola do campo de defesa, armou a jogada perto da área do Benfica e apareceu na área para completar após cruzamento de James Rodriguez. Em respeito ao ex-clube, o meio-campista português não comemorou o gol.

Com dois gols de desvantagem, o Benfica se viu obrigado a atacar para tentar se recuperar em campo. A partir dos 15 minutos, o time local teve duas chances de gol na bola aérea, com os zagueiros Ruben Dias e Jardel, mas não conseguiu aproveitar nenhuma.

Aos 33 minutos, James Rodriguez protagonizou um dos principais momentos do jogo. Ao ser substituído por Goretzka, o ex-jogador do Porto, rival do Benfica, foi muito vaiado e respondeu acenando para os torcedores.

Com a vitória na mão, o Bayern praticamente deixou de atacar e se preocupou mais em conter a pressão do Benfica. A postura defensiva deu resultado e o time alemão manteve o placar de 2 a 0 até o apito final, começando a Liga dos Campeões com importante vitória.