<
>

Por que Copas da Ásia e da África são disputadas no começo do ano, em meio a temporada europeia?

Copas da África e da Ásia acontecem no mês de janeiro Getty

O começo de 2024 será difícil para muitos times na Europa. Afinal de contas, duas competições continentais de seleção vão acontecer ao mesmo tempo, causando vários desfalques nas maiores equipes do mundo. Mas, afinal, por que as Copas da Ásia e da África acontecem em janeiro, em meio à temporada europeia?

A resposta para essa pergunta tem muito a ver com as particularidades de cada continente. E o “problema” causado para os times europeus está longe de ter uma resolução simples.

Para começo de conversa, é importante frisar que a Fifa permite em seu calendário que os torneios continentais de seleção acontecem em janeiro ou em julho. Ou seja: as confederações não estão desrespeitando nenhum tipo de regra – e os clubes são obrigados a liberarem seus jogadores.

Vale lembrar também que a globalização do futebol é um fenômeno um tanto quanto recente. Até o fim dos anos 90, era raro que jogadores mudassem de continente para jogar futebol. África e Ásia, principalmente, ainda estavam se desenvolvendo no esporte e tinham poucos jogadores na Europa. Com isso, o calendário europeu nunca foi um “problema” até aquele momento.

A Ásia até tentou se adaptar e disputou os torneios de 2004 e de 2007 no meio do ano. O problema é que essa época do ano impede que boa parte do continente receba o torneio: o Oriente Médio vive o verão em julho e tem temperaturas altíssimas que impedem o futebol.

Neste ano de 2024, por exemplo, o torneio será no Qatar. E vale lembrar que até a Copa do Mundo mudou de época do ano quando foi sediada por lá, em 2022.

A próxima edição da Copa da Ásia, em 2027, também no Oriente Médio e novamente será disputada em janeiro, desta vez na Arábia Saudita.

A África talvez receba ainda mais pressão da Europa para mudar seu torneio de data. Em 2017, chegou a aprovar a mudança. Mas, até agora, só conseguiu fazê-la em uma das edições, em 2019.

O problema por lá também é climático, mas não por conta do calor. Em boa parte do continente, o meio do ano é um período de muitas chuvas. É o caso da Costa do Marfim, sede do torneio agora em 2024.

A expectativa é de que a próxima edição, já em 2025, seja disputada no meio do ano. Só que as datas ainda não foram oficialmente anunciadas, e o torneio está marcado para o Marrocos, que enfrenta altas temperaturas em julho.