<
>

Zagueiro do Arsenal viu Corinthians x Boca na Libertadores no meio de torcida organizada na Neo Química Arena

Zagueiro do Arsenal, Gabriel Magalhães esteve presente na partida de ida das oitavas de final da Libertadores


O Corinthians encara o Boca Juniors nesta terça-feira (5) pela segunda partida das oitavas de final da Conmebol Libertadores. Há uma semana, no jogo de ida, na Neo Química Arena, o Timão teve o reforço de um jogador com passagem pela seleção brasileira. Mas ele estava na arquibancada.

Atualmente no Arsenal, Gabriel Magalhães aproveitou as férias para vestir a camisa alvinegra, partir para Itaquera e ficar no setor em que se localiza a principal torcida organizada do clube paulista.

"Estava de férias no Brasil e coincidiu com a data do jogo das oitavas da Libertadores. Aproveitei a oportunidade para matar a saudade de assistir a um jogo como torcedor e no meio da torcida organizada, para relembrar os tempos de criança", disse o jogador ao Ge.

"Sempre gostei de ir ao estádio quando era mais novo, e todo jogo pedia para o meu pai me levar. Ele sempre se esforçava para a gente conseguir ir aos jogos, a maioria era no Pacaembu. Na campanha da Série B, fomos em vários. O acesso à Série A ficou marcado, e, claro, depois veio o título da Libertadores e do Mundial de Clubes. Depois, quando mudei para Florianópolis para jogar no Avaí, ficou mais difícil de ir aos jogos, mas sempre acompanha pela TV", completou.

Agora, Gabriel Magalhães acompanhará de longe a partida na Bombonera. Para avançar às quartas de final, o Corinthians precisa de uma vitória simples. Um novo empate leva a disputa para as penalidades.