<
>

Grêmio vence de novo o Ypiranga, amplia hegemonia e garante o pentacampeonato do Gaúcho

O Grêmio venceu o Ypiranga mais uma vez e garantiu o pentacampeonato gaúcho


O Grêmio é Penta! Neste sábado (2), o Tricolor venceu o Ypiranga mais uma vez, desta vez na Arena, por 2 a 1, com gols de Bruno Alves e Rodrigues, e conquistou mais um título do Campeonato Gaúcho.

O primeiro tempo foi truncado. Mas, aos 45 minutos, Bruno Alves recebeu toque de Rodrigues após rebote de falta e completou mandando para o fundo das redes e abrindo o placar.

Aos 29 da segunda etapa, em novo rebote de falta, Rodrigues mandou para o fundo da rede, ampliando. Um impedimento foi assinalado no lance, mas, após revisão no VAR, validado.

Quase que na sequência, o Ypiranga diminuiu, com Erick. Gedeílson cruzou rasteiro na área e o companheiro desviou para o fundo do gol.

Situação do campeonato

Após a vitória por 1 a 0 no jogo de ida, o Grêmio poderia ser campeão até mesmo com o empate. Com nova vitória, o time conquistou o 41° título da sua história.

Números ‘mentirosos’

Na primeira etapa, o Tricolor teve sete finalizações contra uma de seu rival. Ainda assim, o equilíbrio tomou conta do duelo, com posse de bola superior ao time visitante. Ainda assim, no final, o time conseguiu conquistar um gol para abrir o placar.

Mais perto do Inter

O Grêmio aumentou sua hegemonia no Rio Grande do Sul nos últimos anos com o pentacampeonato consecutivo. Agora, são 41 taças contra 45 do rival Internacional.

Próximos jogos

No próximo final de semana, o Grêmio estreará na Série B em partida contra a Ponte Preta. O Ypiranga, por sua vez, esreia na Série C contra a Aparecidense.

Ficha técnica

Grêmio 2 x 1 Ypiranga

GOLS: Bruno Alves e Rodrigues (GRE); Erick (YPI)

GRÊMIO: Brenno; Rodrigues, Geromel, Bruno Alves e Diogo Barbosa; Villasanti, Lucas Silva (Thiago Santos), Bitello (Benítez), Campaz (Churín) e Ferreira (Gabriel Silva); Elias (Janderson). Técnico: Roger Machado

YPIRANGA: Edson; Gedeílson, Carlos Alexandre, Bruno Bispo e Diego; Lorran (Robson (Rossetto)), Lucas Falcão, Marcelinho (Cesinha), Matheus Santos (Jefferson) e Erick; Hugo Almeida (Rodrigo Carioca). Técnico: Luizinho Vieira