<
>

Campeão do CBLoL, Robo está confiante para MSI: 'Me sinto muito mais preparado'

Campeão brasileiro do primeiro split de 2021, o foco de Robo agora é no MSI Divulgação/paiN Gaming

Após onze semanas que culminaram na decisão das duas equipes finalistas do CBLoL, Vorax e paiN Gaming se enfrentaram neste domingo (18) para coroar o primeiro campeão brasileiro após a introdução das franquias à liga. Vindos de uma temporada regular marcada por altos e baixos, a equipe da paiN Gaming sagrou-se campeã depois de deixar grandes equipes pelo caminho nos playoffs e conquistar a Vorax em um 3 a 1.

De um lado, uma equipe reformulada e com um novo nome chegou vorazmente no circuito brasileiro. Ainda como Prodigy, caíram durante as semifinais de 2020 pelas mãos da própria paiN Gaming, a Vorax entrou em 2021 dando boas-vindas à Krastyel e Matsukaze no início do primeiro split das franquias buscando mudar o passado.

Do outro, uma paiN Gaming colecionando mais uma aparição em uma grande final do CBLoL com um elenco praticamente intocado. Com apenas Luci como novidade na equipe, após uma etapa regular conturbada, os Tradicionais também entraram para tentar mudar o resultado da última final que participaram em 2020 contra a INTZ - onde perderam a série por 3 a 1.

A grande decisão começou pegando fogo, com ambas as equipes disputando escolhas chaves como Hecarim e Gnar, e a equipe da Vorax investindo em jogadas no early game. Com os primeiros jogos dominantes, ambas as equipes garantiram uma vitória e empataram o placar da série. O desempate ficou por conta da paiN Gaming, que chegou para a partida decisiva embalada em um bom momento e garantiu o tricampeonato.

O próximo compromisso da equipe é o MSI 2021, onde enfrentarão as melhores equipes do mundo. Em sua última participação internacional, brTT, Robo e Luci amarguraram o último lugar do campeonato enquanto representavam o Flamengo eSports no Worlds 2019. Vindos de uma temporada conturbada, os jogadores agora começarão a se preparar para fazer diferente lá fora.

“Eu particularmente me sinto muito mais preparado. Hoje em dia a gente [brTT, Robo e Luci se entende muito mais, tanto dentro de jogo quanto fora, esse time é bem diferente de todos que já estive. Estou confiante de que vamos conseguir ter um desempenho melhor, com esse time já mostramos que temos um mental muito bom (...) eu diria que o psicológico é uma parte muito forte que vamos preparar para esse MSI”, conta Robo em resposta ao ESPN Esports Brasil.

Em complemento, ao responder o portal Baserush, Dionrray falou sobre os planejamentos da equipe para o campeonato. “Por conta da pandemia algumas opções acabam sendo descartadas, acaba dificultando um pouco nosso planejamento. A paiN como organização, juntamente com a Riot Brasil, está fazendo o máximo possível para acertar todos os detalhes para que nós como time nos preocupemos o mínimo possível com isso e foque realmente em fazer uma boa campanha”.

A vitória no campeonato garantiu a brTT seu sexto título de campeão brasileiro, o que faz com que ele tenha mais títulos do que qualquer jogador e organização presente no campeonato.