<
>

"Vamos ser uma equipe muito difícil de ser batida", avalia Gtn sobre novo elenco da Team Vikings

play
VALORANT: "É muito complicado, foi bem dificil", diz Tixinha sobre migração (4:36)

O comentarista fala sobre a decisão de sair do LoL (4:36)

Os últimos meses trouxeram muitas surpresas para os fãs do Valorant competitivo. O anúncio de um circuito competitivo ao longo do ano e muitas grandes organizações entrando de cabeça nesse novo cenário. Mas, a maior surpresa - apesar dos grandes nomes - para o começo do ano foi uma organização que faz parte desse desde que tudo era mato: Team Vikings.

Primeira organização brasileira a fazer investimentos em um elenco de Valorant, a Team Vikings passou grande parte do ano de 2020 sem conseguir resultados expressivos apesar das mudanças no elenco.

Após alguns desentendimentos internos entre alguns membros do último elenco, "foi quando o Kaique (fundador da Vikings) falou que ia fazer outra reformulação, e que dessa vez ia fazer direito”. É o que conta gtn, jogador que representa a organização desde agosto, em entrevista ao ESPN Esports Brasil.

A REFORMULAÇÃO

Ajudando a escolher os melhores nomes para representar a organização neste ano, gtn e os responsáveis pela Team Vikings chegaram aos nomes: Sacy, frz, Sutecas e Saadhak. E é relativamente fácil entender a escolha deles.

Sacy e frz, ex-jogadores da RED Canids e B4 Esports respectivamente, mostraram grande potencial e foram nomes de destaque no último ano em suas equipes. Sutecas veio de sua migração do CS:GO, sem ter feito grandes participações durante o primeiro semestre de Valorant, mas já vinha mostrando seu talento pelas equipes que passou.

Para capitanear a nova equipe, a escolha foi um consenso. Já com planos para competir ao lado do argentino, Sacy trouxe consigo Saadhak, ex-jogador da Estral - equipe que conquistou o First Strike LATAM - que também era um dos principais nomes para integrar a equipe, além de ser um dos melhores sentinelas sul-americanos.

Para gtn, a escolha do in-game leader não poderia ser melhor: “Esse cara é um gênio. Ele conhece muito do jogo, tem muitos conceitos sobre o jogo que poucos capitães do mundo tem. Ele tem uma forma de enxergar o jogo e de te mostrar o que acontece com analogias com xadrez e com outros esportes de um jeito que ele te ensina e você entende o jogo”, elogia o jogador.

“Então esse cara pra mim é um gênio e tá me ensinando a jogar. É surreal a forma que ele tá ajudando todo mundo. Ele é o pilar da Vikings”, complementa.

COMEÇO COM O PÉ DIREITO

Oficialmente juntos a aproximadamente um mês, a equipe mostrou dentro de servidor que nesse começo não seria o talento individual que seguraria a barra para a equipe se adaptar.

Como uma harmonia, todos os elementos se encaixaram perfeitamente para trazer o resultado que vimos nas últimas semanas. Sobre a dinâmica e entrosamento entre os jogadores, gtn revela que “já esperava que ia começar muito bem”.

“Era o que eu estava esperando. Os cinco são muito bons e tem uma cabeça muito boa. Todo mundo tem a mentalidade de vencedor de querer trabalhar, vencer e se provar”, analisa gtn sobre a chegada dos novos jogadores e a relação entre eles.

E foi o que eles mostraram durante o primeiro mês de 2021.

Com a reformulação sendo completada em meados de dezembro, a equipe teve pouco tempo para se preparar para os campeonatos de começo de ano, uma vez que os outros times estavam aproveitando os feriados de fim de ano.

Mas, isso não foi um empecilho para a equipe segundo gtn.

“A gente não achava muito treino, logo tivemos que ser muito inteligentes para treinar. Então fizemos um intensivão de tático vendo mais mapas, assistindo partidas de outros times e tentamos usar todo nosso tempo para treinar como conseguia”, revela sobre as primeiras semanas de treino da equipe

Com o elenco que representaria a Vikings na temporada de 2021 definido, apesar das dificuldades em treinar, a equipe começou o ano da melhor forma: conquistando de forma contundente o primeiro campeonato do ano.

Agora ao lado de Sacy, Sutecas, Frz e Saadhak, gtn viu o primeiro grande sucesso da equipe vir ainda na segunda semana do ano na final do Ultimasters contra a Imperial. “Dá uma confiança, é bom. Deixa o clima mais leve. É sempre bom ganhar um campeonato”, desabafa o jogador sobre a primeira vitória do ano.

AMBIÇÕES

Apesar de não enfrentar as equipes consideradas mais dominantes durante o Ultimasters, como Gamelanders, Vorax e paiN Gaming, gtn mantém os pés no chão e garante que a equipe teria grandes chances mesmo se esses times estivessem na disputa.

“Claro que não tendo uma Gamelanders, uma paiN Gaming ou Vorax no caminho facilita um pouco, mas acho que teríamos a capacidade de enfrentar essas equipes de igual para igual e ter saído com o título da mesma forma. O título é muito mérito da Vikings, mas também estamos loucos para encontrar essas equipes grandes em outros campeonatos para ver os resultados”, revela ansioso.

Não deu outra. Na última terça (26), a Team Vikings enfrentou a vice-campeã do First Strike, paiN Gaming, pela vaga na primeira fase do Valorant Challengers Brasil. Com certa facilidade, gtn e seus companheiros provaram seu valor e levaram a série por 2 a 0, classificando-se para o evento principal.

Por lá, na primeira semana do VCB, continuaram mostrando sua consistência e ótimo desempenho derrotando novamente a Imperial - outra grande equipe que participou do First Strike - e mandando-a para a lower bracket, avançando na chave dos ganhadores. Os Vikings enfrentam a Squad5 pela qualificação para a segunda fase do Challengers neste sábado (06).

Como verdadeiros guerreiros Vikings, gtn e o resto do elenco entraram no ano de 2021 com o pé direito, mostrando todo seu potencial e que vão batalhar durante o ano para manterem-se assim, 'para no fim, poderem entrar pelos portões de Valhalla com toda sua glória'.

“Para o resto do ano, acredito que vamos ser uma equipe muito difícil de ser batida. Não digo ainda que vamos ser os melhores, porque ainda temos que nos provar, mas estamos treinando para isso. Vamos ser uma equipe difícil de os adversários ganharem”, completa confiante.