<
>

Worlds: TES encerra a invencibilidade da Coreia e China garante três vitórias no Mundial

play
Chefe de esports da Riot Games explica chegada de franquias no Brasil (4:42)

Carlos Antunes também fala da chegada do torneio de Team Fight Tactics (4:42)

O terceiro dia do Mundial de League of Legends, realizado nesta segunda-feira (04), começou com um duelo pela liderança provisória do grupo A entre G2 e Machi, além da classificação encaminhada da DAMWON Gaming no grupo B e o duelo entre China x Coreia para encerrar o dia.

No primeiro confronto do dia, a G2 venceu a Machi Esports em um confronto frenético que garantiu a liderança provisória do grupo para o time europeu. Em sequência, a Suning Gaming atropelou a Team Liquid, deixando a equipe em uma situação complicada pela classificação no grupo A.

Já no grupo B, a DAMWON Gaming deixou a classificação encaminhada para os playoffs depois de vencer o PSG, que agora precisa de três vitórias seguidas para se classificar. Pelo grupo C, a FlyQuest garantiu o primeiro suspiro da América do Norte no Mundial em cima da Unicorns of Love, além do duelo de gigantes entre TES x DRX, que terminou com um show de JackeyLove.

G2 1 x 0 MCX

A primeira partida do dia começou em um ritmo frenético, com o primeiro abate antes do primeiro minuto de jogo. Seguindo o roteiro, o jogo foi parelho e com as duas equipes disputando abates e objetivos. No final da partida, o domínio de mapa da G2 fez a diferença e o time garantiu a vitória apertada contra o time taiwanês.

TL 0 x 1 SN

O segundo jogo do dia reservou um verdadeiro show da Suning, que não deixou o time americano jogar. A Team Liquid não conseguiu acompanhar o ritmo acelerado da equipe chinesa, que garantiu todos os objetivos da partida e venceu com facilidade. Huanfeng exerceu a força do seu Draven e foi responsável por 25% do dano da sua equipe.

DWG 1 x 0 PSG

A partida que decidiu a “vida ou morte” do PSG, não teve um final feliz pro time taiwanês. O fraco começo característico do time coreano foi explorado pelo seu adversário, mas não foi suficiente para conter o meio de jogo avassalador da DAMWON. Destaque da partida fica com o Nuguri, com seu Kennen, que utilizou bem da sua ultimate para devastar o PSG.

JDG 1 x 0 RGE

Apesar do bom começo de jogo, batendo de frente durante a fase de rota, o meio de jogo foi cruel com a Rogue. A composição da equipe chinesa com Zoe, Caitlyn e Lillia buscou o tempo inteiro adversários isolados e destruiu qualquer oportunidade de janela para lutas em equipe, principal força da formação do time europeu.

FLY 1 x 0 UOL

Existe “Lei do Ex” no League of Legends? Contando com o “poder” dessa crença brasileira, PowerOfEvil destruiu seu antigo time, com uma verdadeira atuação de gala. O time russo tentou criar e controlar os objetivos do jogo, mas uma luta decisiva no Barão sacramentou a vitória da FlyQuest, a primeira da América do Norte no Mundial.

TES 1 x 0 DRX

Digno de um duelo de gigantes, um grande jogador faz a diferença. JackeyLove puxou a responsabilidade e participou de 100% dos abates da sua equipe. Além da participação perfeita, foi responsável por metade de todo dano proveniente da TES. A escolha de dois atiradores para a DRX acabou não se pagando e sofreu nas lutas no final da partida.

Mundial de LoL

O Mundial volta nesta terça-feira (6), às 5h, com os confrontos de G2 x Team Liquid, Suning x Machi, DRX x FlyQuest, TES x Unicorns of Love, Fnatic x Gen.G e TSM x LGD Gaming. As partidas podem ser acompanhadas nos canais oficiais da Riot.