<
>

Forbes aponta Cloud9 como a organização de esport mais valiosa do mundo

Com duas tacadas, cloud9 venceu Regional e tirou TSM do Mundial Riot Games

Campeã do major de Counter-Strike: Global Offensive que abriu a temporada de 2018, primeira organização a levantar o troféu da Overwatch League e uma das semifinalistas do Campeonato Mundial de League of Legends. Está é a Cloud9, a organização mais valiosa do mundo segundo levantamento feito pela Forbes.

De acordo com a revista, o valor do clube norte-americano ultrapassa a casa dos US$ 300 milhões. Já quando o assunto é receita, o faturamento anual é de US$ 22 milhões. A segunda organização mais valiosa também é norte-americana. Trata-se da Team SoloMid (TSM), avaliada em US$ 250 milhões e que fatura anualmente US$ 25 milhões.

Dona dos direitos da marca MIBR, a norte-americana Immortals também aparece na lista revelada pela Forbes como a nona organização mais valiosa. O clube está avaliado em US$ 100 milhões e tem faturamento anual em 5 milhões.

A primeira rodada de investimentos em torno da Cloud9 aconteceu 2017, no valor de US$ 25 milhões, feito por empresas e grupos relacionados à esportes, mídia, tecnologia e entretenimento. Neste mês o clube recebeu um novo aporte, de US$ 50 milhões, de um fundo liderado pela Valor Equity Partners