<
>

Executivo do Vasco revela que clube está "estruturando" forma de entrar no esport ao longo de 2019

VP de Maketing Cruzmaltino quer colocar o clube no mundo do esport Paulo Fernandes/Vasco

O ano de 2019 pode ser de estreia no esporte eletrônico para um grande clube dos esportes tradicionais. Trata-se do Vasco da Gama. O vice-presidente de marketing Cruzmaltino, Bruno Maia, revelou na terça-feira (7) que a agremiação possui, sim, a vontade de começar a competir no esport a partir da próxima temporada.

"Estamos estruturando a forma do Vasco entrar ao longo de 2019", afirmou o executivo no Twitter. O vice-presidente revelou ainda que o clube vem "conversando com empresários, times e jogadores para montar o melhor jeito de entrarmos". "Entendo como aplicar os valores históricos do clube e também como um business importante", finalizou.

A revelação é feita no mesmo dia em que o Vasco foi anunciado como um dos cinco clubes brasileiros exclusivos na versão 2019 do simulador de futebol Pro Evolution Soccer (PES). O jogo ainda, conforme divulgou a Konami, contará também com todos os 20 participantes da Série A do Campeonato Brasileiro.

Caso a entrada do Vasco nos esportes eletrônicos se concretize, o clube será o segundo do Rio de Janeiro a investir na modalidade. Isso porque o Flamengo, desde o início deste ano, vem competindo no esport, como um dos participantes do Campeonato Brasileiro de League of Legends (CBLoL), no qual já está classificado para a Semifinal.