<
>

Perto do Santos, Cristiane se despede do São Paulo: 'Foi uma honra vestir essa camisa'

play
No Bola da Vez, Cristiane diz que merecia o prêmio de melhor do mundo em 2008: 'Foi um balde de água fria' (0:48)

O Bola do Vez vai ao ar neste sábado (30) a partir das 22h (de Brasília) na ESPN Brasil e no WatchESPN (0:48)

Cristiane está de saída do São Paulo. A atacante anunciou o fim de sua passagem pelo Morumbi nesta terça-feira (14) em publicação nas redes sociais. O contrato da jogadora da seleção brasileira se encerrou em dezembro e não foi renovado.

"Gostaria, então, de começar agradecendo o São Paulo por confiar no meu trabalho e proporcionar meu retorno ao Brasil. Foi incrível voltar a sentir a energia da torcida brasileira de perto. Ver estádios cheios, transmissões em TV aberta e a torcida comparecendo nos jogos é um grande incentivo para nós atletas e para a modalidade como um todo", escreveu a atacante.

"A palavra, portanto, que define minha trajetória dentro do SPFC é gratidão. À toda diretoria do clube, às atletas/ parceiras, a quem desejo todo o sucesso, aos funcionários e assessoria de imprensa, sempre muito carinhosos e respeitosos comigo. (...) Por fim, obrigado à toda torcida Tricolor, foi uma honra vestir essa camisa. Em frente!", acrescentou.

View this post on Instagram

Quem acompanhou o futebol feminino em 2019 sabe o quanto este ano foi especial para a modalidade. Ele também trouxe mudanças muito significativas para a minha carreira, as quais grande parte estão relacionadas ao São Paulo FC. Gostaria, então, de começar agradecendo o São Paulo por confiar no meu trabalho e proporcionar meu retorno ao Brasil. Foi incrível voltar a sentir a energia da torcida brasileira de perto. Ver estádios cheios, transmissões em TV aberta e a torcida comparecendo nos jogos é um grande incentivo para nós atletas e para a modalidade como um todo. Além disso, contribuir com a equipe no acesso a série A1 do Brasileiro e jogar a final do Campeonato Paulista no Morumbi são coisas que ficarão pra sempre em minha memória. Foi um prazer indescritível jogar essa final dentro da casa do Tricolor! A palavra, portanto, que define minha trajetória dentro do SPFC é gratidão. À toda diretoria do clube, às atletas/ parceiras, a quem desejo todo o sucesso, aos funcionários e assessoria de imprensa, sempre muito carinhosos e respeitosos comigo. A todas as marcas que contribuíram de alguma forma. A essa imensa e incrível torcida e a todos que convivi ao longo dessa temporada. Agradeço também por fazer parte do retorno do São Paulo FC ao futebol feminino, modalidade que agora tem como data oficial dentro do clube o dia 14/1, data em que me apresentei ano passado. Este ano, porém, como vocês já devem saber, os caminhos serão outros, sempre com intuito de contribuir o máximo possível pela evolução do futebol feminino no Brasil. A modalidade dentro do país está evoluindo, mas ainda há muito a ser feito. Por fim, obrigado à toda torcida Tricolor, foi uma honra vestir essa camisa. Em frente!

A post shared by Cristiane Rozeira (@crisrozeira) on

O próximo passo na carreira de Cristiane deve ser o Santos.

Cristiane já passou pelas Sereias da Vila no passado. Chegou em 2009, quando conquistou a Copa Libertadores e a Copa do Brasil. Em 2010, voltou para o futebol norte-americano, defendendo o Chicago Red Stars e, no ano seguinte, voltou para o Santos.

Ela se manteve fora do país entre 2015 e 2019. Teve passagens pelo PSG e, em seguida, Changchun Dazhong Zhouyue, da China, mas optou por voltar ao Brasil para ficar perto da família e logo em seguida, assinou com o São Paulo, clube que estava naquele ano voltando com o futebol feminino e procurando desenvolver a modalidade.

Cristiane viu, na época, um bom projeto de desenvolvimento para jovens jogadoras, em um elenco onde ela era a mais experiente. Posteriormente, ela cobrou do clube uma estrutura melhor para as mulheres.

Em entrevista para o espnW em dezembro, Amauri Nascimento, Supervisor de Futebol Feminino do clube, garantiu que se adaptará para 2020 e que o São Paulo entende que “para atuar na Série A1 será necessário ainda mais foco e melhorias, com mais treinos em grama natural, por exemplo”, que foi algo que Cristiane havia cobrado.

A jogadora também foi convocada para a seleção brasileira e atuou na Copa do Mundo feminina, anotando inclusive um hat-trick na partida de estreia do Brasil contra a Jamaica. Nas oitavas de final contra a França, Cristiane sofreu uma lesão e foi retirada de campo, o que comprometeu a participação dela nos jogos com o clube pelo resto da temporada.

Ela voltou a atuar nas finais do Campeonato Paulista, contra o Corinthians e tem mantido os treinamentos e fisioterapia para se recuperar 100%.