<
>

Qual o lugar de Julio César Chávez entre os melhores mexicanos da história? 'El César', série da ESPN, desconstrói a lenda do boxe

play
Presidente do CMB diz que Chávez 'salvou' o boxe quando Mike Tyson foi preso; veja por quê (2:06)

Mauricio Sulaimán, mandatário do Conselho Mundial de Boxe, deu entrevista à ESPN Brasil (2:06)

Julio César Chávez “chocou o mundo” nos anos 80 e 90. Com um currículo invejável e um arsenal de golpes como poucos, ele até “superou” Mike Tyson.

A combinação de determinação, inteligência, pegada, resistência, técnica, aliada a um gancho de esquerda de tirar o ar, fez com que Chávez se eternizasse entre os maiores de todos os tempos.

A série “El César” desconstrói a vida dentro e fora dos ringues, as vitórias, derrotas e os demônios pessoais de Julio César Chávez, um dos grandes nomes da história do boxe mundial. No total, são 26 episódios inéditos e exclusivos produzidos pela ESPN para entender a trajetória de altos e baixos da lenda. O fã do esporte pode acompanhar a saga com episódios diários até 19 de junho, sempre às 22h30 (de Brasília), na faixa ESPN Cine & Séries, na ESPN e no ESPN App. Aos sábados, uma maratona com os cinco episódios da semana. Imperdível!

Mas, afinal, qual é o tamanho do “El Grán Campeón Mexicano” na história? Qual é o legado de “JCC Superstar” para o boxe e para a fanática torcida mexicana?

Veja, abaixo, os 10 melhores boxeadores mexicanos da história e saiba como “El César” segue como um dos grandes nomes da nobre arte:

Perdeu o primeiro episódio, "El César: A Tijuana"? Assista quando e onde quiser no ESPN App!

play
2:57

Polêmicas, 90 lutas invicto, drogas e mais: quem foi Julio César Chávez, protagonista de nova série da ESPN

A ESPN Brasil vai passar nos próximo dias "El César", documentário com 26 episódios sobre o lendário pugilista mexicano Julio César Chávez

10 - Marco Antonio Barrera

Campeão em três categorias de peso, venceu duas lutas da trilogia com o compatriota Erik Morales. Foi o único a bater o badalado “Prince” Naseem Hamed, que nunca mais foi o mesmo.

9 - Baby Arizmendi

Campeão pena em 1933, venceu duas de cinco lutas com Henry Armstrong (campeão simultaneamente em três categorias de peso). Fez lutas apertadas com Tony Canzoneri, Lou Ambers e Chalky Wright.

8 - Juan Manuel Márquez

Conquistou títulos mundiais em quatro categorias; excelente contragolpeador; nocauteou Manny Pacquiao; duas de suas derrotas na série de quatro lutas com o filipino geraram polêmica.

play
1:30

'Ganha de lavada de Mike Tyson': Eduardo Ohata elege Chávez como um dos maiores da história do boxe

A ESPN Brasil vai passar nos próximo dias "El César", documentário com 26 episódios sobre o lendário pugilista mexicano Julio César Chávez

7 - Ricardo “Finito” López

O maior campeão palha de todos os tempos. Foi dono de cinturões do CMB, AMB, FIB e OMB ao longo de 16 anos; aposentou-se invicto em 52 lutas; tampouco foi derrotado no pugilismo amador.

6 - Raúl “Ratón” Macías

Foi o primeiro grande mexicano campeão, o “Chávez dos anos 50”. Conquistou o título galo da NBA (que depois virou AMB) e, quando lutou no México, quebrou todos os recordes de público.

5 - Miguel Canto

Dono de uma das melhores defesas da história, após uma primeira tentativa fracassada, em 1973, conquistou e defendeu seu cinturão de campeão mosca por 14 vezes. Chegou ao 15º assalto 17 vezes.

4 - Carlos Zárate

Provavelmente o dono da maior pegada entre mexicanos: das 66 vitórias, 63 foram por nocaute. Reinou como campeão galo por mais de três anos. Invicto em 52 lutas antes de perder para Wilfredo Gómez.

play
2:48

Jornalista diz que Chávez poderia ter igualado lenda do boxe e explica queda: 'Drogas, bebida...'

Wilson Baldini Jr. deu entrevista à ESPN Brasil e afirmou que mexicano tinha potencial para igualar Sugar Ray Robinson

3 - Salvador Sánchez

Campeão pena morreu aos 23 anos num acidente de carro, em 1982. Apesar da carreira interrompida, impôs as primeiras derrotas de Wilfredo Gómez e Azumah Nelson, dois membros do Hall da Fama.

2 - Rubén Olivares

O segundo melhor galo da história, só atrás de Eder Jofre. Nocauteou 49 de seus primeiros 52 rivais antes de conquistar o título galo em 1969. Reinou como campeão dos galos e penas por duas vezes cada.

1 - Julio César Chávez

O mais talentoso boxeador mexicano da história; aliou técnica e pegada. Manteve-se invicto em 90 lutas e dominou por mais de dez anos as três categorias nas quais competiu entre os anos 80 e 90.

play
1:37

Ohata coloca Chávez abaixo apenas de 'grupo seleto' do boxe e afirma: 'Poderia ter sido o melhor da história'

A ESPN Brasil vai passar nos próximo dias "El César", documentário com 26 episódios sobre o lendário pugilista mexicano Julio César Chávez

* Não foram incluídos lutadores em atividade, pois seus cartéis ainda estão em construção.