<
>

Prêmio Laureus: Messi e Hamilton empatam, e 'Oscar do Esporte' tem troféu dividido pela primeira vez; veja todos os vencedores

Lionel Messi e Lewis Hamilton foram os grandes vencedores do 20º Prêmio Laureus.

Pela primeira vez em 20 edições, dois esportistas dividiram o troféu de melhor atleta masculino do ano. A cerimônia da premição conhecida como o "Oscar do Esporte" foi realizada nesta segunda-feira (17), em Berlim, na Alemanha.

O resultado aconteceu após empate inédito na categoria. Messi, seis vezes vencedor da Bola de Ouro, e Hamilton, hexacampeão mundial da Fórmula 1, superaram os espanhóis Rafael Nadal (tênis) e Marc Márquez (motoGP), o americano Tiger Woods (golfe) e o queniano Eliud Kipchoge (maratona).

Além disso, o atacante do Barcelona se tornou o primeiro jogador de futebol a vencer o prêmio.

"É um momento muito especial e eu tenho muita honra em ser o primeiro atleta de esporte coletivo a ganhar o Laureus. Gostaria de agradecer aos meus companheiros, à minha família e todos que estiveram comigo, porque sem eles eu não teria conseguido nada. Obrigado por tudo e curtam a noite", disse Messi, em vídeo gravado e exibido durante a cerimônia.

Antes, Lewis Hamilton subiu ao palco para receber o prêmio e exaltou a conquista.

"É um momento de grande honra para mim, mesmo porque estou vendo todos os que já ganharam esse prêmio e que me inspiraram. Cresci num esporte que deu significado à minha vida, mas com pouca diversidade, o que me permite trabalhar por uma agenda de mais igualdade. É uma honra estar aqui com todos, quero compartilhar com você esse momento. Agradeço à Mercedes, que assinou contrato comigo quando eu tinha 13 anos. Agradeço ao Laureus também por realizar esse prêmio capaz de mudar a vida das pessoas", destacou o piloto.

Simone Biles vence entre as mulheres

Na categoria feminina, a atleta do ano foi a ginasta Simone Biles. Foi a terceira vez que a americana saiu como vencedora (2017, 2019 e 2020).

As outras indicadas foram Allyson Felix (atletismo), Megan Rapinoe (futebol), Mikaela Shiffrin (esqui), Naomi Osaka (tênis) e Shelly-Ann Fraser-Pryce (atletismo).

A norte-americana tornou-se, em 2019, a maior medalhista da história de Campeonatos Mundiais após ter conquistado cinco medalhas em Stuttgart. No total, ela chegou a 25 pódios e conta com 19 ouros, três pratas e três bronzes.

O Brasil concorreu em três categoria, mas não levou nenhum troféu nesta edição. Ítalo Ferreira, campeão mundial de surfe, e Rayssa Leal, vice-campeã mundial de skate, concorreram para Melhor Atleta de Ação. Além deles, a Chapecoense disputou o voto popular para Momento Esportivo de Inspiração.

Veja abaixo todos os vencedores da premiação:

Melhor Atleta no masculino

  • Lionel Messi (Futebol)

  • Lewis Hamilton (Fórmula 1)

  • Rafael Nadal (Tênis)

  • Marc Márquez (MotoGP)

  • Eliud Kipchoge (Maratona)

  • Tiger Woods (Golfe)

Melhor Atleta no feminino

  • Megan Rapinoe (Futebol)

  • Simone Biles (Ginástica Artística)

  • Allyson Felix (Atletismo)

  • Shelly-Ann Fraser-Pryce (Atletismo)

  • Naomi Osaka (Tênis)

  • Mikaela Shiffrin (Esqui)

Melhor Atleta de Esportes de Ação

  • Ítalio Ferreira (Surfe)

  • Rayssa Leal (Skate street)

  • Carissa Moore (Surfe)

  • Nyjah Huston (Skate street)

  • Mark McMorris (Snowboard)

  • Chloe Kim (Snowboard)

Atleta paralímpico do ano

  • Omara Durand (atletismo)

  • Diede de Groot (tênis)

  • Oksana Masters (esqui e paraciclismo)

  • Jetze Plat (paraciclismo)

  • Manuela Schär (atletismo)

  • Alice Tai (natação)

Revelação do ano

  • Coco Gauff (tênis)

  • Bianca Andreescu (tênis)

  • Egan Bernal (ciclismo)

  • Seleção japonesa masculina de rúgbi

  • Andy Ruiz Jr (boxe)

  • Regan Smith (natação)

Momento Esportivo 2000-2020 de Inspiração

  • Eternos campeões (Chapecoense, Futebol, 2017)

  • O poder da mente (Natalie du Toit, Natação, 2002)

  • Nos ombros de uma nação (Sachin Tendulkar, Críquete, 2011)

  • Tal pai, tal filho (Mick Schumacher, Automobilismo, 2017)

  • Desafio do destino (Xia Boyu, Montanhismo, 2018)

Retorno do ano

  • Andy Murray (tênis)

  • Liverpool (futebol)

  • Kawhi Leonard (basquete)

  • Nathan Adrian (natação)

  • Sophia Florsch (automobilismo)

  • Christian Lealiifano (rúgbi)

Equipe do ano

  • Seleção americana feminina de futebol

  • Liverpool (futebol)

  • Mercedes (Fórmula 1)

  • Seleção sul-africana masculina de rúgbi

  • Toronto Raptors (basquete)

  • Seleção espanhola de basquete masculino