<
>

Fim da linha! Ex-campeão Renan 'Barão' é dispensado pelo UFC após quinta derrota seguida

play
José Aldo fala sobre chance de cinturão, expectativa para o UFC 245 e diz que irá ao Catar ver o Flamengo no Mundial (2:08)

Brasileiro estreia contra Marlon Moraes no peso galo do UFC (2:08)

Renan ‘Barão’ não faz mais parte do plantel de atletas do UFC. O ex-campeão peso-galo (61 kg) do Ultimate foi demitido pela organização após acumular cinco derrotas consecutivas, a última delas para Douglas ‘D’Silva’ no último dia 16 novembro, no evento realizado no Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo (SP). A informação foi divulgada em primeira mão pelo site ‘Combate.com’ e posteriormente confirmada pela reportagem da Ag. Fight com fontes próximas à entidade.

Após estrear com derrota no MMA profissional em 2005, ‘Barão’ engatou uma sequência invicta de 33 lutas. Neste período, o brasileiro conquistou o cinturão peso-galo do Ultimate e chegou a ser considerado um dos melhores lutadores peso-por-peso do mundo pela mídia e pelos fãs do esporte.

Em maio de 2014, Renan foi nocauteado no quinto round por TJ Dillashaw e, consequentemente, perdeu seu cinturão. Desde então, ‘Barão’ não conseguiu retomar a boa fase e amargou vários resultados negativos nos octógonos. Nos últimos nove combates, o brasileiro conquistou apenas duas vitórias e acumulou sete reveses, entre apresentações no peso-galo e tentativas de subida de categoria para o peso-pena (66 kg).

Com apenas 32 anos de idade, Renan ‘Barão’ ainda tem, teoricamente, tempo para dar a volta por cima em sua carreira. Porém as últimas apresentações e o alto número de batalhas enfrentadas em sua trajetória podem dificultar o processo, ainda mais fora do UFC. Em seu cartel até o momento, o brasileiro possui 34 triunfos, nove derrotas e um ‘no contest’ (sem resultado).