<
>

Indy 500: Por que essa é a maior corrida do automobilismo mundial

Edição de 2022 da Indy 500 acontece neste domingo, às 13h (Brasília), com transmissão pela ESPN no Star+


"O maior espetáculo do automobilismo". É assim que são definidas as 500 Milhas de Indianápolis, cuja edição de 2022 acontece neste domingo, às 13h (Brasília), com transmissão pela ESPN no Star+.

Dois brasileiros concorrem ao lugar mais prestigiado do automobilismo: Hélio Castroneves - atual campeão da prova e recordista com 4 triunfos na Indy 500 ao lado de Rick Mears, Al Unser e AJ Foyt - e Tony Kanaan, que ganhou esta corrida em 2013.

Mas, afinal, por que a Indy 500 é a prova mais importante e prestigiada do automobilismo mundial?

Alguns fatores ajudam a explicar. O primeiro deles é: tradição. A corrida existe desde 1911 e num local onde ela é a principal atração da cidade. Ou seja, em Indianápolis, tudo gira em torno da corrida.

Além disso, a Indy 500 traz os carros mais rápidos do planeta, que atingem mais de 370km/h durante a prova, realizada praticamente em pé em baixa 100% do tempo. Na corrida do ano passado, Castroneves venceu com uma média de velocidade de 330km/h.

Outro fator que ajuda a explicar o sucesso da Indy 500, claro, é o fato dela ser nos Estados Unidos, lugar onde o esporte é tratado como espetáculo.

O próprio público americano tem um relacionamento com a corrida único. O campeonato inteiro da Indy não tem nem de perto a atenção que as 500 Milhas têm. É quase como um campeonato à parte.

Por isso Hélio Castroneves, que venceu 4 Indy 500 e nunca foi campeão da temporada da Indy, tem mais notoriedade que outros pilotos campeões da temporada, mas sem o título da principal prova do ano.

Não é à toa que a Indy 500 conta o dobro de pontos do que as outras 16 provas do calendário, dando 100 pontos a seu vencedor.

Talvez o principal fator que faça a Indy 500 ser apaixonante seja a imprevisibilidade. Tudo pode acontecer na prova. Largar entre os primeiros, ou entre os últimos, não quer dizer absolutamente nada.

Com batidas, bandeiras amarelas e ultrapassagens a todo momento, estar "ligado" e estratégia são fatores cruciais.

Você não saber quem vai ganhar no domingo certamente dá um fator a mais para os fãs ficarem grudados na tela vendo. Tanto é que em mais de 110 anos de história os maiores vencedores da prova têm quatro triunfos apenas.