<
>

LeBron nos Lakers, Kawhi nos Raptors; do 1º ao 30º, a 'ordem das forças' da nova NBA

O Golden State Warriors venceu seu segundo título da NBA em três temporadas no começo de junho. Mas a liga mudou muito desde então.

LeBron James deixou o Cleveland Cavaliers para jogar no Los Angeles Lakers. Kawhi Leonard deixou o San Antonio Spurs, mas o Toronto Raptors teve que mandar DeMar DeRozan em troca.

Por isso, a ESPN reordenou as forças da liga depois da movimentada offseason antes do começo da temporada 2018-19.

1. Golden State Warriors
Campanha em 2017-18: 58-24
Resultado: Vitória nas Finais

Depois de dar um dia de comemoração para os Lakers e LeBron James, os atuais campeões acabaram com o mundo da NBA no melhor estilo Thanos nos 'Vingadores' e contrataram DeMarcus Cousins, montando um 'quinteto fatal' ainda mais assustador - caso o pivô se recupere bem da lesão em seu Tendão de Aquiles. Golden State pode esperar por Cousins, que deve motivar o time ainda mais em busca das Finais pela quinta vez consecutiva. -- Ohm Youngmisuk

  • Principais chegadas: Jacob Evans, DeMarcus Cousins e Jonas Jerebko

  • Principais saídas: Zaza Pachulia e JaVale McGee


2. Boston Celtics
Campanha em 2017-18: 55-27
Resultado: Derrota nas finais do Leste

Os Celtics tiveram uma offseason sonolenta da NBA, apenas mantendo o time depois das renovações de Aron Baynes e Marcus Smart. Ainda assim, devem chegar como vencedores deste período, com LeBron James no Oeste e os retornos de Kyrie Irving e Gordon Hayward - que falou para a ESPN: "Estou confiante de que temos tudo que precisamos para brigarmos até o fim." -- Chris Forsberg

  • Principais chegadas: Robert Williams e Brad Wanamaker

  • Principais saídas: Nenhuma


3. Houston Rockets
Campanha em 2017-18: 65-17
Resultado: Derrota nas finais do Oeste

Tem sido um período estranho para o time que estava a uma coxa saudável de brigar pelo título da NBA. Os Rockets merecem nossa confiança sobre o que estão fazendo, mas as saídas de Trevor Ariza e Luc Mbah a Moute são importantes - principalmente pelo substituto ser Carmelo Anthony. Eles ainda têm de resolver a situação de Clint Capela, mas, mesmo assim, os Rockets vão precisar de que o rendimento de peças menos conhecidas cresça. E isso é algo que eles sabem fazer. -- Royce Young

  • Principais chegadas: De'Anthony Melton, Vincent Edwards, Michael Carter-Williams e James Ennis

  • Principais saídas: Luc Mbah a Moute e Trevor Ariza


4. Philadelphia 76ers
Campanha em 2017-18: 52-30
Resultado: Derrota nas semifinais do Leste

Philadelphia não teve uma offseason cheia de boas notícias, como muitos esperavam - seja na quadra (sem LeBron, Paul George e Kawhi) ou na diretoria. Mesmo assim, assim como Boston, os 76ers estão em uma situação boa para brigarem pela conferência. Os Sixers renovaram com JJ Redick, trocaram por Wilson Chandler e selecionaram duas escolhas de primeira rodada do draft - Zhaire Smith e Landry Shamet. Joel Embiid certamente acredita que este time seja favorito no Leste. -- Forsberg

  • Principais chegadas:: Zhaire Smith, Landry Shamet, Shake Milton, Wilson Chandler, Mike Muscala e Jonah Bolden

  • Principais saídas: Ersan Ilyasova, Marco Belinelli, Timothe Luwawu-Cabarrot, Justin Anderson e Richaun Holmes


5. Toronto Raptors
Campanha em 2017-18: 59-23
Resultado: Derrota nas semifinais do Leste

Mesmo com LeBron James fora do Leste, os Raptors vão ter de se encontrar com a troca de treinadores. Eles importaram Kawhi Leonard para o Canadá e vão apostar que ele pode mudar a situação do time nos playoffs. Danny Green também vai ajudar, mas a prioridade dos Raptors é mostrar para Kawhi que Toronto pode ser uma cidade tão boa quanto Los Angeles. -- Forsberg

  • Principais chegadas: Kawhi Leonard e Danny Green

  • Principais saídas: DeMar DeRozan e Jakob Poeltl


6. Oklahoma City Thunder
Campanha em 2017-18: 48-34
Resultado: Derrota na 1ª rodada do Oeste

Tecnicamente não é uma contratação, mas renovar com Paul George deveria contar como uma. O Thunder manter George é o maior momento da franquia em free agency, principalmente pela necessidade de estabilidade. Sam Presti e a direção pode avaliar o futuro do time, em vez de pensar ano a ano. Eles podem ter perdido Carmelo, mas Dennis Schroder preenche parte do espaço deixado. O Thunder teve uma grande offseason. Agora, precisam vencer jogos. -- Young

  • Principais chegadas: Devon Hall, Hamidou Diallo, Kevin Hervey, Nerlens Noel, Dennis Schroder e Timothe Luwawu-Cabarrot

  • Principal saída: Carmelo Anthony


7. Utah Jazz
Campanha em 2017-18: 48-34
Resultado: Derrota nas semifinais do Oeste

O que fez da offseason do Jazz um sucesso foi a simplicidade. Selecionaram Grayson Allen, perderam Jonas Jerekbo. É isso. Não houve saída de uma estrela, nem uma mudança grande no elenco buscando recuperação. O Jazz pode contar com uma das palavras mais importantes da NBA: continuidade. Deixe todo mundo saudável, permita que os jovens passem as férias melhorando e chegue na temporada como uma verdadeira ameaça no Oeste. -- Young

  • Principal chegada: Grayson Allen

  • Principal saída: Jonas Jerebko


8. Denver Nuggets
Campanha em 2017-18:: 46-36
Resultado: Fora dos playoffs

Arriscar em Isaiah Thomas vale a pena pelo baixo risco envolvido - o salário é baixo, o tempo é curto. E Thomas tem muito a provar se quiser encontrar seu carro-forte cheio de dinheiro no horizonte. As perdas de Kenneth Faried e Wilson Chandler podem atrapalhar mais do que pensamos, mas os Nuggets têm um grupo jovem que está crescendo e pode absorver, e talvez crescer, com as derrotas. -- Young

  • Principais chegadas: Michael Porter Jr., Jarred Vanderbilt, Thomas Welsh, Isaiah Thomas e Monte Morris

  • Principais saídas: Kenneth Faried, Darrell Arthur e Wilson Chandler


9. Los Angeles Lakers
Campanha em 2017-18: 35-47
Resultado: Fora dos playoffs

Magic Johnson conseguiu LeBron James, e os Lakers seguiram na construção de um elenco de apoio. Eles têm veteranos com experiência nos playoffs que podem dar opções para LeBron, seja no ataque ou na defesa. Rajon Rondo, Lance Stephenson, JaVale McGee e Michael Beasley têm uma variedade de habilidades e uma mistura de personalidades fortes e até complicadas. Lonzo Ball passou por artroscopia em seu joelho esquerdo (rompimento de menisco), e os Lakers esperam que ele volte para o começo da temporada. -- Youngmisuk

  • Principais chegadas: LeBron James, Moritz Wagner, Isaac Bonga, Sviatoslav Mykhailiuk, Lance Stephenson, Rajon Rondo, JaVale McGee e Michael Beasley

  • Principais saídas: Channing Frye, Isaiah Thomas, Brook Lopez, Julius Randle e Thomas Bryant


10. Portland Trail Blazers
Campanha em 2017-18: 49-33
Resultado: Derrota na 1ª rodada do Oeste

Os Blazers não têm muitas opções para melhorarem o elenco pela folha salarial apertada, mas as chegadas de Nik Staukas e Seth Curry ajudam nos arremessos em um time que já tem bons nomes no perímetro. Shabazz Napier teve sua melhor temporada enquanto substituía Damian Lillard, e Ed Davis é um jogador de energia, mas suas perdas podem ser repostas pelas opções que já estão na equipe. Os Blazers pareciam dar um passo para trás depois da varrida na 1ª rodada dos playoffs, mas a offseason conservadora mostra que a diretoria acredita que foi apenas um momento ruim. -- Young

  • Principais chegadas: Anfernee Simons, Gary Trent Jr., Nik Stauskas e Seth Curry

  • Principais saídas: Shabazz Napier e Ed Davis


11. Indiana Pacers
Campanha em 2017-18: 48-34
Resultado: Derrota na 1ª rodada do Leste

Victor Oladipo atingiu um outro nível na temporada passada, quase eliminando LeBron e os Cavs na primeira rodada. Agora o armador quer evoluir ainda mais e espera levar o jovem grupo dos Pacers com ele. Tyreke Evans deve ajudar imediatamente, e o calouro Aaron Holiday mostrou flashes durante a Summer League. Com Oladipo e Myles Turner liderando, Indiana deve mostrar que pertence ao topo do Leste. -- Nick Friedell

  • Principais chegadas: Aaron Holiday, Alize Johnson, Tyreke Evans, Kyle O'Quinn e Doug McDermott

  • Principais saídas: Glenn Robinson III e Lance Stephenson


12. New Orleans Pelicans
Campanha em 2017-18: 48-34
Resultado: Derrota nas semifinais do Oeste

Os Pelicans basicamente trocaram DeMarcus Cousins e Rajon Rondo por Elfrid Payton e Julius Randle. New Orleans se recuperou bem depois que Cousins aceitou um contrato de baixo custo para se juntar à (super) equipe que derrotou os Pelicans nas semifinais de conferência na última temporada. Ainda assim, a questão persistente é se New Orleans tem o suficiente para dar passos largos em um Oeste reforçado. Anthony Davis dá todas as oportunidades para manter as coisas interessantes. -- Forsberg

  • Principais chegadas: Elfrid Payton, Tony Carr e Julius Randle

  • Principais saídas: DeMarcus Cousins e Rajon Rondo


13. San Antonio Spurs
Campanha em 2017-18: 47-35
Resultado: Derrota na 1ª rodada do Oeste

O momento Kawhi finalmente chegou ao fim, levando DeMar DeRozan e Jakob Poeltl a San Antonio em troca (mais uma escolha de primeira rodada protegida). Os Spurs tiveram uma offseason de mudanças. San Antonio conseguiu perder dois ex-MVPs das finais em Leonard e Tony Parker. Os Spurs também perderam Kyle Anderson para Memphis. DeRozan e LaMarcus Aldridge agora estão comandando o show para este time que se recusou a passar por uma reconstrução, e que acredita que o novato Lonnie Walker IV possa causar um impacto para Gregg Popovich. -- Youngmisuk

  • Principais chegadas: Lonnie Walker IV, Chimezie Metu, Marco Belinelli, Dante Cunningham, DeMar DeRozan e Jakob Poeltl

  • Principais saídas: Tony Parker, Kawhi Leonard, Danny Green e Kyle Anderson


14. Washington Wizards
Campanha em 2017-18: 43-39
Resultado: Derrota na 1ª rodada do Leste

Sem espaço na folha para usar, os Wizards levaram John Wall, Bradley Beal e o resto da banda juntos para pelo menos mais uma tentativa. A chegada de Dwight Howard para o lugar de Marcin Gortat pode levar Washington alguns passos à frente de onde terminou a temporada passada no Leste. Mas é difícil ver como a dupla de All-Stars e o resto dos Wizards podem dar um grande salto nesta temporada, mesmo com a LeBron em Los Angeles. Trocar Gortat por Austin Rivers dá a Scott Brooks um terceiro armador forte e permite que ele jogue com algumas escalações mais baixas. Mas a grande questão é como Howard - oito vezes All-Star da NBA que mudou de equipe quatro vezes em quase três anos - pode interagir com os armadores de Washington. -- Ian Begley

  • Principais chegadas: Troy Brown, Issuf Sanon, Jeff Green, Austin Rivers, Dwight Howard e Thomas Bryant

  • Principais saídas: Mike Scott e Marcin Gortat


15. Minnesota Timberwolves
Campanha em 2017-18: 47-35
Resultado: Derrota na 1ª rodada do Oeste

Os Wolves ainda são muito jovens, mas estranhamente parece que há um relógio correndo contra eles. Há rumores de certos conflitos no elenco, mas eles acabaram de ter uma marcante chegada aos playoffs e uma temporada regular de sucesso, que teria sido ainda melhor sem a lesão de Jimmy Butler. Minnesota não tinha tantas opções para evoluir além do draft, levando em conta a possível saída de Jamal Crawford e um banco com poucos jogadores se tornando ainda mais 'raso'. Mas esta temporada dependerá ainda mais dos jovens. -- Young

  • Principais chegadas: Josh Okogie, Keita Bates-Diop e Anthony Tolliver

  • Principal saída: Nemanja Bjelica


16. Milwaukee Bucks
Campanha em 2017-18: 44-38
Resultado: Derrota na 1ª rodada do Leste

O sistema ofensivo de Mike Budenholzer pode ajudar os Bucks a irem para onde querem ir? O técnico veterano herda um grupo jovem que não conseguiu corresponder às expectativas da temporada passada. Giannis Antetokounmpo é uma das melhores estrelas jovens no esporte, mas além de Khris Middleton, o resto do elenco permanece em grande parte um ponto de interrogação. O armador Eric Bledsoe teve alguns bons momentos mas não mostrou consistência suficiente. Será que Ersan Ilyasova e Brook Lopez fornecerão uma presença forte o suficiente para trazer o melhor para um grupo com alto potencial, mas com resultados pequenos? -- Friedell

  • Principais chegadas: Donte DiVincenzo, Ersan Ilyasova e Brook Lopez

  • Principal saída: Jabari Parker


17. LA Clippers
Campanha em 2017-18: 42-40
Resultado: Fora dos playoffs

Dencanse em paz, 'Lob City'. DeAndre Jordan se tornou o último Clipper do ex-Big Three de Doc Rivers a partir. Jordan se juntou a Dallas - desta vez, de verdade - na free agency e agora com Blake Griffin (Detroit) e Chris Paul (Houston), os Clippers começaram a se remontar com Marcin Gortat, Mike Scott e Luc Mbah a Moute. Além disso, eles têm as duas grandes adições de draft: Shay Gilgeous-Alexander, de Kentucky, e Jerome Robinson, de Boston College. -- Youngmisuk

  • Principais chegadas: Shai Gilgeous-Alexander, Jerome Robinson, Mike Scott, Luc Mbah a Moute e Marcin Gortat

  • Principais saídas: DeAndre Jordan e Austin Rivers


18. Memphis Grizzlies
Campanha em 2017-18: 22-60
Resultado: Fora dos playoffs

Os Grizzlies estão otimistas de que com Marc Gasol e Mike Conley saudáveis, eles poderão retornar aos playoffs após uma longa temporada de tanking. O novato Jaren Jackson Jr. deve ser capaz de ajudar a abrir espaço e ajudar imediatamente, e Kyle Anderson e Garrett Temple também devem dar a essa orgulhosa franquia um impulso. A chave para os Grizzlies será evitar as lesões que os esmagaram na temporada passada. Depois de ter a 'marca' de interino removida de seu cargo, o treinador J.B. Bickerstaff tem a tarefa intrigante de tentar misturar um núcleo jovem com um mais velho. - Friedell

  • Principais chegadas: Jaren Jackson Jr., Jevon Carter, Omri Casspi, Kyle Anderson, Garrett Temple e Shelvin Mack

  • Principais saídas: James Ennis, Tyreke Evans, Ben McLemore e Deyonta Davis


19. Dallas Mavericks
Campanha em 2017-18: 24-58
Resultado: Fora dos playoffs

Os Mavericks passaram as últimas quatro semanas preparando as coisas para o próximo mês de julho, quando eles terão Luka Doncic, Dennis Smith Jr. e - potencialmente - US$ 50 milhões em espaço livre para gastar em agentes livres. Entre agora e o próximo ano, Mark Cuban diz que espera que Dallas dispute os playoffs na conferência Oeste. A contratação do pivô veterano DeAndre Jordan com contrato de US$ 23 milhões por um ano ajudará os Mavs a atingirem essa meta. Mas essa abordagem pode custar a Dallas sua próxima pick de draft em junho. Se a escolha dos Mavs ficar fora das cinco primeiras, ela irá para Atlanta como parte da troca Doncic-Trae Young. -- Begley

  • Principais chegadas: Luka Doncic, Jalen Brunson, Ray Spalding, Kostas Antetokounmpo, DeAndre Jordan e Ryan Broekhoff

  • Principais saídas: Nerlens Noel, Seth Curry, Doug McDermott e Yogi Ferrell


20. Miami Heat
Campanha em 2017-18: 44-38
Resultado: Derrota na 1ª rodada do Leste

Miami não teve nenhum caminho fácil para melhorar o time nesta offseason. O Heat não tinha espaço na folha e nunca encontraria uma boa troca para o Hassan Whiteside. Então, fazia sentido que Miami trouxesse a maior parte do time de um time que venceu 44 jogos na temporada passada. O Heat deve receber de volta um saudável Dion Waiters nesta temporada e, talvez, Dwyane Wade - se ele decidir jogar mais uma temporada aos 36 anos. Parece improvável, mas seria improvável que o Heat subisse neste ranking se Carmelo Anthony decidisse jogar em South Beach em vez de Hoston. -- Begley

  • Principais chegadas: Nenhuma

  • Principais saídas: Nenhuma


21. Charlotte Hornets
Campanha em 2017-18: 36-46
Resultado: Fora dos playoffs

Os Hornets fizeram várias mudanças desde o final da temporada passada, mas alguma delas empurra o time para frente no Leste? Parece improvável. Claro, Tony Parker dá ao novo treinador James Borrego um sólido apoio por trás de Kemba Walker. E Bismack Biyombo deve ser um bom pivô atrás de Cody Zeller. A chegada do calouro Miles Bridges pode eventualmente empurrar Marvin Williams ou Michael Kidd-Gilchrist para fora do time titular. Mas nenhum desses novos rostos parece aumentar as chances de Charlotte. Isso significa que Walker, agente livre de 2019, deve ter muito o que pensar na próxima offseason. -- Begley

  • Principais chegadas: Miles Bridges, Arnoldas Kulboka, Devonte' Graham, Tony Parker e Bismack Biyombo

  • Principais saídas: Michael Carter-Williams e Dwight Howard


22. Detroit Pistons
Campanha em 2017-18: 39-43
Resultado: Fora dos playoffs

Detroit tentou chegar aos playoffs na última temporada depois de uma troca por Blake Griffin. A esperança do Pistons é que o novo técnico Dwane Casey dê um tom positivo para um grupo que entra em uma nova temporada depois de uma offseason saudável. A maior pergunta que ainda resta: pode Casey encontrar uma maneira para o pivô Andre Drummond e Griffin prosperarem em uma liga que tornou os arremessos de longa distância mais importantes do que nunca? O time nunca encontrou ritmo suficiente sem o armador Reggie Jackson na temporada passada - se ele continuar saudável desta vez, os Pistons devem voltar à pós-temporada. -- Friedell

  • Principais chegadas: Khyri Thomas, Bruce Brown, Jose Calderon, Glenn Robinson III e Zaza Pachulia

  • Principal saída: Anthony Tolliver


23. Cleveland Cavaliers
Campanha em 2017-18: 50-32
Resultado: Derrota nas Finais

Os Cavs entram em uma nova era sem LeBron James - uma que não deve gerar muitas vitórias. Kevin Love tem outra chance de ser o cara de uma franquia e deve aproveitar mais a oportunidade, mas esse grupo perdeu sua identidade quando James foi para Los Angeles e vai lutar quando entrar em outra reconstrução. O lado positivo é que o novato Collin Sexton impressionou no final da Summer League e Cleveland ainda tem muito tempo para trocar alguns de seus veteranos por peças para o futuro. -- Friedell

  • Principais chegadas: Collin Sexton e Channing Frye

  • Principais saídas: LeBron James, Jose Calderon e Jeff Green


24. Phoenix Suns
Campanha em 2017-18: 21-61
Resultado: Fora dos playoffs

A recompensa por ter a pior campanha da liga veio nesta offseason, com a primeira escolha do draft, Deandre Ayton, que teve uma média de 14.5 pontos e 10.5 rebotes em quatro jogos na Summer League. Os Suns trocaram pelo novato Mikal Bridges no draft e surpreenderam muitos contratando Trevor Ariza. Eles também trocaram por outro grande jovem com potencial em Richaun Holmes. Mas o maior movimento da offseason foi a renovação de contrato do armador Devin Booker, por US$ 158 milhões. O Oeste está lotado, mas parece que os Suns estão tentando vencer agora. -- Youngmisuk

  • Principais chegadas: Deandre Ayton, Mikal Bridges, Elie Okobo, Trevor Ariza e Richaun Holmes

  • Principais saídas: Elfrid Payton, Jared Dudley e Alex Len


25. Chicago Bulls
Campanha em 2017-18: 27-55
Resultado: Fora dos playoffs

Os Bulls esperam conseguir marcar muitos pontos - mas serão capazes de defender? Depois de contratar Jabari Parker por US$ 20 milhões na próxima temporada e garantir Zach LaVine por US$ 78 milhões nas próximas quatro, os Bulls têm um jovem núcleo interessante ao lado de Lauri Markkanen e do novato Wendell Carter Jr., mas ainda não está claro se eles têm um grupo que pode ganhar muitos jogos nesta temporada. Haverá uma grande pressão sobre o técnico Fred Hoiberg e sua equipe para encontrar maneiras de fazer este grupo se destacar e ter sucesso na defesa. -- Friedell

  • Principais chegadas: Wendell Carter Jr., Chandler Hutchison e Jabari Parker

  • Principal saída: Jerian Grant


26. Orlando Magic
Campanha em 2017-18: 25-57
Resultado: Fora dos playoffs

O Magic deu alguns passos para frente no que seria uma longa e árdua reconstrução nesta offseason, assinando com Aaron Gordon um contrato razoável e draftando Mohamed Bamba. Se as coisas correrem como planejado para Orlando e o novo treinador Steve Clifford, então Bamba (um defensor potencialmente de elite), Gordon e Jonathan Isaac formarão um dos melhores grupos de jovens da NBA. Orlando está a pelo menos um ano de disputar os playoffs, por isso pode dar a Jerian Grant a oportunidade de ganhar minutos na quadra. O próximo projeto de longo prazo para Orlando? Encontrar um armador que possa facilitar a vida da 'linha de frente'. -- Begley

  • Principais chegadas: Mohamed Bamba, Melvin Frazier, Justin Jackson, Isaiah Briscoe, Timofey Mozgov e Jerian Grant

  • Principais saídas: Bismack Biyombo, Mario Hezonja e Shelvin Mack


27. New York Knicks
Campanha em 2017-18: 29-53
Resultado: Fora dos playoffs

O primeiro ano do técnico David Fizdale trará energia renovada para Nova York. Escolha de primeira rodada, Kevin Knox mostrou na Summer League que pode causar um impacto imediato. Mas o objetivo dos Knicks de 2018-19 é simples: trazer Kristaps Porzingis de volta e esperar mostrar pontos positivos suficientes para que agentes livres de grande nome estejam dispostos a receber o dinheiro de Nova York na próxima offseason. -- Forsberg

  • Principais chegadas: Kevin Knox, Mitchell Robinson e Mario Hezonja

  • Principais saídas: Kyle O'Quinn, Doug McDermott e Michael Beasley


28. Brooklyn Nets
Campanha em 2017-18: 28-54
Resultado: Fora dos playoffs

Os Nets trabalharam muito nesta offseason, mas o melhor momento ocorreu quando Cleveland usou a última escolha de draft trocada naquele acordo com Boston por Kevin Garnett e Paul Pierce, em 2013. Os negócios de Brooklyn podem não traduzir em vitórias imediatas - embora as contratações de Jared Dudley e Kenneth Faried possam ajudar - mas os Nets se posicionaram para ter um amplo espaço salariam em 2019, e o general manager Sean Marks recuperou o 'estoque' de escolhas de draft do time. -- Forsberg

  • Principais chegadas: Dzanan Musa, Rodions Kurucs, Ed Davis, Kenneth Faried, Darrell Arthur, Shabazz Napier e Jared Dudley

  • Principais saídas: Jeremy Lin, Timofey Mozgov, Nik Stauskas e Dante Cunningham


29. Sacramento Kings
Campanha em 2017-18: 27-55
Resultado: Fora dos playoffs

Os Kings deixaram Luka Doncic passar e selecionaram Marvin Bagley III com a esperança de que o ala-pivô de Duke possa causar um impacto ofensivo imediato. Bagley se junta a um grupo cheio de talento e repleto de jogadores com menos de 25 anos. Sacramento foi capaz de contratar dois agentes livres, apesar de ambos terem chegado a acordos verbais com outras equipes no início da free agency: Yogi Ferrell e Nemanja Bjelica. Algo mais para os Kings se entusiasmarem: Harry Giles teve uma média de 10.8 pontos e 7.0 rebotes na Summer League depois de ficar de fora na última temporada. -- Youngmisuk

  • Principais chegadas: Marvin Bagley III, Ben McLemore, Deyonta Davis, Nemanja Bjelica e Yogi Ferrell

  • Principal saída: Garrett Temple


30. Atlanta Hawks
Campanha em 2017-18: 24-58
Resultado: Fora dos playoffs

Os Hawks podem não ganhar muitos jogos nesta temporada, mas estão bem posicionados para uma reconstrução. Ao trocar Dennis Schroder para o Thunder, os Hawks liberaram mais minutos para Trae Young e quase US$ 50 milhões na folha para 2019. O time também pode ter três escolhas na primeira rodada do draft do próximo ano - a sua, uma de Cleveland (protegida em top-10) e uma de Dallas (protegida em top-5). É um bom lugar para os Hawks e o treinador do primeiro ano, Lloyd Pierce, começarem a escalar no Leste. -- Begley

  • Principais chegadas: Trae Young, Kevin Huerter, Omari Spellman, Jeremy Lin, Justin Anderson e Alex Len

  • Principais saídas: Dennis Schroder e Mike Muscala